agua da batata doce

Com a palavra-chave agua da batata doce, filtramos quase 30 resultados que melhor correspondem às necessidades de pesquisa das pessoas

image of 8 benefícios da batata doce e como consumir (com receitas ...

8 benefícios da batata doce e como consumir (com receitas ...

Jun 29, 2017 · A batata doce, principalmente a de cor alaranjada, tem ótimas quantidades de betacarotenos, que são convertidos no organismo em vitamina A. Além disso, por ser um vegetal rico em vitamina C, um potente antioxidante que protege as células do corpo contra inflamações e radicais livres, a batata doce promove uma pele mais firme e sem rugas.A batata doce é um tubérculo com ótimas quantidades de energia, além de ser rica em fibras, vitamina A, vitamina C e antioxidantes que ajudam na prevenção de doenças como câncer, diabetes e infarto. Conheça os benefícios da batata doce para a saúde e como consumir de forma saudável.
From: www.tuasaude.com

A batata doce e um tuberculo, ou raiz, que tem otima quantidade de energia, pois tem alto teor de carboidratos e ainda e rica em fibras, vitaminas do complexo B, vitamina A, vitamina C e minerais, como o potassio e o magnesio, que ajudam na prevencao de algumas doencas, como diabetes, cancer e infarto.

Alem disso, a batata doce tem baixo teor de gordura e e fonte de antioxidantes, como  betacaroteno e antocianinas, que ajudam a proteger as celulas do corpo contra os efeitos dos radicais livres, prevenindo o envelhecimento precoce. 

A batata doce pode ser encontrada nas cores branca, creme, laranja ou roxa, que variam no sabor e na composicao nutricional. A batata roxa tem maior quantidade de antioxidantes do tipo antocianinas e a de cor alaranjada possui maior teor de betacarotenos, por exemplo. Este tipo de batata pode ser consumida cozida ou assada, mas tambem pode ser utilizada como base para mousses ou como farinha para paes e biscoitos. Veja como fazer farinha de batata doce.

Os principais beneficios da batata doce para a saude sao:

1. Previne o envelhecimento precoce

A batata doce, principalmente a de cor alaranjada, tem otimas quantidades de betacarotenos, que sao convertidos no organismo em vitamina A. Alem disso, por ser um vegetal rico em vitamina C, um potente antioxidante que protege as celulas do corpo contra inflamacoes e radicais livres, a batata doce promove uma pele mais firme e sem rugas.

2. Equilibra a saude do intestino

Por ser rica em fibras soluveis e insoluveis, especialmente quando consumida na forma cozida e com a casca, a batata doce ajuda a formar o bolo fecal e estimular os movimentos do intestino, combatendo a prisao de ventre. Veja uma lista com outros alimentos ricos em fibras.

Alem disso, a batata doce funciona como um prebiotico natural, pois e fonte de alimento para as bacterias beneficas do intestino, ajudando a equilibrar a flora intestinal, tratando e prevenindo a prisao de ventre. 

3. Previne a diabetes

Apesar de ter boas quantidades de carboidratos, a batata doce tambem e rica em fibras, o que faz com que acabe tendo um baixo indice glicemico. Isto quer dizer que ajuda a diminuir a velocidade de absorcao do acucar apos as refeicoes, evitando os picos de glicose no sangue. Esta propriedade da batata doce e fundamental para prevenir a diabetes, mas tambem pode ser recomendada, em pequenas quantidades, para quem ja apresenta a doenca.

4. Promove o ganho de massa muscular

A batata doce e uma otima fonte de energia e por isso e muito consumida por quem pratica atividades fisicas. Por ter boas quantidades de fibras, o carboidrato da batata doce e liberado gradativamente, sendo uma otima opcao para quem precisa ter energia para longos periodos de treino.

5. Ajuda na perda de peso

A batata doce pode ajudar na perda de peso, pois e um alimento com elevado teor de fibras que aumentam o tempo de digestao e permanencia dos alimentos no estomago, aumentando a sensacao de saciedade e diminuindo a ingestao de alimentos. Veja como usar a batata doce para auxiliar na perda de peso.

6. Previne doencas do coracao

A batata doce, especialmente a roxa, e rica em antocianinas, um tipo de antioxidante  que melhora as funcoes das veias e diminui a formacao de placas de gordura nas arterias, alem de diminuir os niveis de colesterol “ruim” no sangue, prevenindo doencas como derrame, infarto e aterosclerose. Conheca outros tipos de antioxidantes presentes nos alimentos.

Alem disso, por conter grandes quantidades de potassio, a batata doce ainda ajuda a eliminar, pela urina, o excesso de sodio do organismo evitando a pressao alta.

7. Fortalece os sistema imunologico

Por conter altas quantidades de vitamina C, betacaroteno e antocianinas, a batata doce tem otima acao antioxidante no organismo, fortalecendo o sistema imunologico e prevenindo doencas como gripes e resfriados, alem de melhorar a cicatrizacao de feridas.

8. Previne alguns tipos de cancer

A batata doce tem otimas quantidades de fibras, importantes para fortalecer as bacterias beneficas do intestino e manter o equilibrio da flora intestinal. Este equilibrio das bacterias e um dos mecanismos importantes para a prevencao do cancer de intestino.

Alem disso, a batata doce auxilia na prevencao de outros tipos de cancer, como de prostata e de mama, pois e rica em antioxidantes como a vitamina C, betacaroteno e antocianinas que protegem as celulas contra os radicais livres.

Informacao nutricional da batata doce

A tabela a seguir traz a informacao nutricional de 100 gramas da batata doce:

E importante lembrar que os valores de vitamina C, carotenoides e minerais podem variar de acordo com o tipo de batata-doce que se come.

Como consumir a batata doce

A batata doce pode ser consumida com ou sem casca, podendo ser preparada no forno, assada, cozida ou grelhada. Pode ser incluida no cafe da manha e nos lanches substituindo o pao, e nas refeicoes principais, acompanhada por vegetais frescos e alimentos fontes de proteinas, como frango, peru, ovo ou peixe.

No caso dos diabeticos, o consumo da batata doce deve ser em pequenas porcoes e, de preferencia, cozida, pois dessa forma o indice glicemico e menor do que nas versoes assada ou grelhada.

Receitas saudaveis com batata doce

Algumas receitas saudaveis e nutritivas para consumir batata doce sao:

1. Frango grelhado com batata doce

Ingredientes:

Modo de preparo:

Temperar o frango com as folhas de louro, limao, pimenta e oregano e deixar descansar por 1 hora na geladeira. Lavar e cortar as batatas com casca em cubos medios. Forrar uma travessa com papel aluminio e distribuir as batatas, levando ao forno para assar por 30 minutos. Em uma frigideira, aquecer o azeite, grelhar o file de frango por 5 minutos de cada lado e reservar. Servir o frango com a batata doce assada, acompanhados com uma salada de repolho roxo, pimentao, tomate e rucula, temperados com azeite e vinagre.

2. Palitos de batata doce

Ingredientes:

Modo de preparo:

Pre aquecer o forno a 180oC. Cortar a batata, com casca e em palitos e espalhar em uma travessa forrada com papel manteiga ou papel aluminio, de modo que as batatas fiquem separadas umas das outras. Temperar as batatas com sal, azeite e pimenta. Levar as  batatas ao forno para assar por cerca de 20 a 30 min ou ate as ficarem douradas e macias. Esperar amornar e servir.

3. Chips de batata doce

Ingredientes:

Modo de preparo:

Lavar as batatas, escorrer bem e cortar em rodelas bem finas, com a casca. Em uma bandeja, forrar com papel manteiga ou aluminio e temperar as batatas com o azeite ou oleo de coco, o alecrim, o oregano, o sal e a pimenta a gosto. Levar os chips ao forno pre aquecido a 200oC por 10 a 15 minutos. Virar os chips e deixar por mais 10 minutos ou ate que estejam bem dourados e crocantes. 

4. Biscoitinhos de batata doce

Ingredientes:

Modo de preparo:

Untar uma travessa com manteiga e reservar. Misturar todos os ingredientes ate formar uma massa homogenea e que nao grude nas maos. Modelar os biscoitos em formato redondo ou na forma de palito e colocar na travessa untada, de modo que fiquem separados uns dos outros. Assar em forno pre aquecido a 180oC por 20 minutos ou ate ficarem dourados.

5. Pao de queijo com batata-doce

Ingredientes:

Modo de preparo:

Colocar a batata-doce cozida, o ovo, a agua, 1 colher de sopa de azeite e a ricota no liquidificador e bater ate obter uma mistura homogenea. Depois, virar a mistura em uma tigela e juntar o restante dos ingredientes, mexendo bem com as maos. Levar a massa a geladeira por 15 minutos ate que a massa fique firme. Retirar a massa da geladeira e fazer bolinhas com a mao, distribuindo em uma uma assadeira untada com o restante do azeite. Levar ao forno pre aquecido a 160oC durante 15 minutos ou ate os paes de queijo ficarem dourados.

6. Brownie de batata doce 

Ingredientes:

Modo de preparo: 

Cozinhar a batata doce, tirar a casca e reservar. Em uma tigela, bater os ovos ate dobrarem de tamanho. Adicionar o restante dos ingredientes e mexer bem com uma colher. Untar uma travessa e distribuir a massa, levando para assar em forno a 180 oC por cerca de 25 minutos.


image of Como Desidratar Batatas Doces: 14 Passos (com Imagens)

Como Desidratar Batatas Doces: 14 Passos (com Imagens)

A batata-doce é um carboidrato muito nutritivo, rico em fibras, vitamina A, vitamina B6, potássio e manganês e com baixíssimo teor de em sódio, gorduras totais e colesterol. Experimente desidratar uma batata-doces no forno ou em um desidratador para criar uma alternativa crocante e saudável aos chips de batata comuns.Como Desidratar Batatas Doces. A batata-doce é um carboidrato muito nutritivo, rico em fibras, vitamina A, vitamina B6, potássio e manganês e com baixíssimo teor de em sódio, gorduras totais e colesterol.http://nutritiondata.self.com/fac....
From: pt.wikihow.com

Adicione oleo. Transfira as rodelas de batata para um prato grande e, com a ajuda de um pincel de cozinha, unte-as com azeite de oliva ou oleo de coco derretido.

Outra opcao e colocar as fatias em uma vasilha, virar o oleo sobre elas e remexe-las para unta-las bem.


image of batata doce Irrigação: [Necessidades, frequência e ...

batata doce Irrigação: [Necessidades, frequência e ...

A frequência de irrigação da batata deve ser medida muito bem, pois em cada etapa ela terá necessidades hídricas específicas. Assim, temos: Plantio: não é necessário regar até o surgimento dos primeiros brotos. É necessário incluir nesta fase até a formação das folhas que serão visíveis. Formação de rebentos : quando começam ...A batata é talvez um dos produtos agrícolas mais consumidos no mundo e para se obter uma colheita de qualidade a irrigação é uma questão fundamental..
From: www.noticiasdejardim.com


A batata e talvez um dos produtos agricolas mais consumidos no mundo e para se obter uma colheita de qualidade a irrigacao e uma questao fundamental.

A irrigacao da batata deve ser realizada seguindo uma estrutura bem planejada de acordo com as condicoes especificas do local de plantio.

Para contribuir com essa questao, e importante que o terreno utilizado tenha condicoes excepcionais de drenagem, uma vez que o acude nao e uma opcao. Ha muito a dizer sobre esse assunto, entao e melhor comecarmos imediatamente. Voce pensa ?

Quais sao as necessidades de irrigacao da batata?

A necessidade de agua para o cultivo da batata e uma das maiores que poderiamos alcancar. Para se desenvolver bem e necessario que o solo seja umido, mas ao mesmo tempo haja uma boa drenagem para que o fluxo nao seja retardado.

Isso resulta em maiores demandas, especialmente em certos estagios de crescimento, como brotacao. Quando cultivado no subsolo, o controle da irrigacao e muito mais importante, pois tera uma grande influencia na qualidade da colheita.

Como podemos detectar a falta de irrigacao na batata?


A falta de umidade na cultura da batata e um dos problemas que pode gerar mais complicacoes no plantio.

Quando submetida ao estresse hidrico, a batata torna-se um alvo facil para o aparecimento de certas doencas de dificil erradicacao.

Ao nivel do ar sera possivel perceber que algo nao esta indo muito bem nas folhas, que irao se fechar, impedindo a fotossintese . Tudo isso fara com que a safra nao receba a quantidade de energia necessaria e os resultados serao pequenas batatas.

Se a seca continuar, a planta da batata morrera por causa da seca.

Com que frequencia devemos regar a batata?

A frequencia de irrigacao da batata deve ser medida muito bem, pois em cada etapa ela tera necessidades hidricas especificas. Assim, temos:

Todas essas propostas de irrigacao devem ser ajustadas de acordo com as condicoes onde a cultura esta instalada. Isso ocorre porque ha muitos fatores envolvidos neste problema.

Qual e a melhor maneira de regar a batata?

Por ser facil de instalar e reduzir muito o consumo de agua, pode ser considerado um sistema de baixo orcamento.

A irrigacao por inundacao consiste em fazer sulcos ao redor das lavouras e permitir que uma certa quantidade de agua passe por elas , permitindo assim que o solo a absorva. E necessario medir muito bem a quantidade de liquido a fornecer e, claro, garantir que a terra seja capaz de absorve-lo para evitar inundacoes.

Como detectamos o excesso de agua na batata?


O excesso de agua tambem tera um impacto negativo na formacao da batata, pois reduzira o nivel de consistencia da batata.

Isso significa que, em vez de colher batatas firmes como as que gostamos, elas ficarao moles e aguadas.

O sabor tambem diminuira e embora a batata seja um tuberculo muito duravel, se for desenvolvida com excesso de agua, durara muito menos. A cultura da batata gera muita ilusao porque dela obteremos estes deliciosos e nobres tuberculos na cozinha.

A irrigacao e, entre todos os cuidados, uma questao transcendental para se conseguir uma safra da qual se orgulhar. Por isso, leve em consideracao todos os comentarios que aqui fizemos e prepare-se para degustar na epoca da colheita batatas com as melhores caracteristicas.

Referencias bibliograficas


image of Brasileiros pelo mundo ensinam receitas típicas de vários ...

Brasileiros pelo mundo ensinam receitas típicas de vários ...

Jun 07, 2020 · Molho de carne moída (Kimá) Ingredientes 1 kg de carne moída (passar apenas uma vez no moedor) 100 ml de azeite de oliva 100 ml de vinho branco 150 ml de água 400 gr de polpa de tomate 1 colher de chá de açúcar cristalino 2 cebolas médias em cubos 1 dente de alho picado 1 canela em pau 3 cravos-da-índia Sal e pimenta do reino a gosto ...O Trip To Follow conversou com brasileiros que moram em diferentes países ou têm alguma relação forte com eles e pediu para que cozinhassem receitas típicas.
From: www.triptofollow.com

O Trip To Follow conversou com brasileiros (ou "quase" brasileiros) que moram em diferentes paises ou tem alguma relacao forte com eles e pediu para que cozinhassem receitas tipicas

Publicado em 07/06/2020 por

Viagem e gastronomia andam lado a lado. E quase impossivel viajar e resistir a alguma comida tipica do pais visitado. Se aventurar nesses pratos – muitas vezes exoticos – deixam a viagem ainda mais rica.

Afinal, uma das melhores formas de conhecer umis pouquinho mais da cultura daquele lugar e atraves da comida, onde centenas de historias e crencas estao “escondidas” em um prato.

JA SEGUE O TRIP TO FOLLOW NO INSTAGRAM?

Por isso, o Trip To Follow conversou com brasileiros (ou “quase” brasileiros) que moram em diferentes paises ou tem alguma relacao forte com eles e pediu para que cozinhassem algo do local onde estao vivendo. Algumas receitas sao bem tradicionais, outras ganharam um “que” abrasileirado e que deixaram o prato ainda mais saboroso.

Quel tal viajar sem sair de casa e experimentar por a mao na massa, literalmente, com essas receitas tipicas? Se voce provar alguma, deixa um comentario aqui contando  o que achou!.

|Africa do Sul – Malva Pudding

Pedro Bezerra Neto tem 50 anos, e casado e tem duas filhas. Ele saiu do Brasil em 1997, quando chegou na Europa para trabalhar em alguns restaurantes, passando pela Holanda, Espanha e Inglaterra, onde conheceu sua mulher, uma sulafricana. Nao demorou muito para que eles decidissem ir morar na Africa do Sul. Por la, Pedro trabalhou como chef em diversos hoteis. Atualmente ele e Executive Chef no Tramonto Boutique Hotel, que fica no coracao de Newcastle.

“A Africa do Sul e um pais com muitas influencias culinarias, uma verdadeira mistura de sabores e culturas”, disse orgulhoso de viver por la. Segundo Pedro, uma das sobremesas favoritas por la e o Malva Pudding. Ha quem dica que o malva pudding esta para as familias de Cape Town assim como o pudim de leite esta para nos, brasileiros. Entao com certeza e uma delicia!

Ingredientes
Pudim
180 gr de acucar refinado
2 ovos
1 colher de sopa de geleia de damasco
150 gr de farinha de trigo
1 colher de cha de bicarbonato de sodio
1/2 colher de cha de sal
1 colher de sopa bem cheia de manteiga sem sal (derretida)
1 colher de cha de vinagre
1/3 xicara cha leite

Calda
200 ml de creme leite
100 gr de manteiga
120 gr de acucar
1/3 de xicara de cha de agua quente
2 colheres de cha baunilha

Modo de preparo
Pre aqueca forno 180°C e unte uma assadeira. Bata o acucar e os ovos na batedeira ate que a mistura fique esbranquicada. Adicione a geleia e bata mais um pouco. Adicione a manteiga derretida, sem deixar ferver, e o vinagre a mistura do acucar batido com os ovos. Em um recipiente, misture a farinha, sal e o bicarbonato. Acrescente o leite e junte aos ingredientes anteriores, batendo ate que eles se integrem. Coloque em assadeira e deixe no forno de 30 a 45 minutos.

Calda
Misture os ingredientes no fogo e mexa ate derreter o acucar. Coloque sobre o pudim assim que ele sair do forno. Sirva morno.

Goeie eetlus!

|Alemanha – Linsen mit Spatzle (lentilha com macarrao)

Katia Vettori mora na Europa ha 26 anos. Ela e o marido viveram mais de 5 anos em Barcelona e depois eles se mudaram para Stuttgart, na Alemanha, onde vivem ate hoje e onde tiveram um filho, que atualmente tem de 19 anos. Katia faz trabalhos voluntarios, e “family manager”, pratico esportes e, como ela mesma diz, cultiva uma boa vida social. “Cozinhar para mim e um prazer e prezo pela qualidade dos ingredientes mais do que pelo requinte das receitas. Minha familia e eu adoramos viajar, conhecer outras culturas e experimentar as delicias de cada lugar”, detalhou.

Katia sugeriu a receita alema Linsen mit Spatzle’, um tipico macarraozinho com lentilhas e salsichas. Ela compra o macarrao pronto por la. “Esse prato foi um dos primeiros que experimentamos assim que mudamos para ca e passou a ser frequente nas nossas refeicoes porque e uma boa combinacao. Ele tem uma certa harmonia assim como arroz e feijao”, detalhou. No Brasil, Katia recomendou comprar um macarrao mais “gordinho”, com massa mais mole. Procure alguma massa com mais textura, da para fazer uma interpretacao.

Ingredientes
250 gr de lentilha
1 cebola
2 dentes de alho
1 cenoura media ralada
Salsinha picada a gosto
2 salsichas

Modo de preparo
Cozinhe a lentilha (prepare-a da mesma forma que voce costuma fazer o feijao). Assim que estiverem cozidas, refogue a cebola e alho picados e os adicione a lentilha pronta. Acrescente a cenoura ralada, sal e deixe cozinhar por cerca de 15 minutos. Em seguida, adicione a salsinha picadinha. Isso da um toque ao sabor e um colorido especial ao prato.

O proximo passo e colocar agua para ferver em uma panela para cozinhar os Spatzle (ou a outra massa) e outra panela para as salsichas. Assim que estiverem prontas, escorra a agua da massa e comece a preparar o prato. Coloque a massa, em seguida a lentilha por cima e finalize com a salsicha.

Dica: voce pode substituir a salsicha por alguma linguica. “A linguica tipica do sul deve ficar uma delicia”.

Guter Appetit!

|Arabia Saudita – Basbosa

Iris Caje e de Alagoas, mas vive na Arabia Saudita ha 5 anos. Ela conheceu um saudita quando morava na Nova Zelandia e, assim que terminaram os estudos por la, os dois foram juntos para a Arabia Saudita. Atualmente Iris mostra a cultura e a vida real de uma estrangeira no pais atraves do Instagram @vidanasarabias e no seu canal do Youtube Vida nas Arabias.

Iris ensinou a fazer um dos doces mais populares do Oriente Medio, a Basbosa. O doce e facilmente encontrado em restaurantes e padarias e e famoso por ser muito facil de preparar.

Ingredientes
1 e 1/2 copo de semolina
2 colheres de sopa de manteiga
1 colher de sopa de fermento
7 colheres de sopa de leite em po
1 lata de creme de leite
4 colheres de sopa de acucar
3/4 copo de coco ralado
1/2 copo de agua ou leite (se precisar)
Calda de acucar para finalizar

Modo de preparo
Coloque todos os ingredientes secos em uma tigela com excessao do acucar e misture com uma colher. Bata no liquidificador a manteiga, o acucar, o creme de leite e junte a tigela dos ingredientes secos mexendo bem ate incorporar tudo. Caso fique muito grosso, adicione um pouco de agua ou leite. A textura tem que ficar um pouco mais grossa que a massa de um bolo. Unte a forma com manteiga, coloque a massa e leve para assar a 180°C ate que a massa fique dourada.

Enquanto isso, faca a receita tradicional da calda de acucar, mas usando tambem uma canela em pau, 5 cardamomos e uma colher de cha de agua de rosas (se tiver). Reserve. Enfie uma faca ou palito no centro da basbosa. Se sair limpo, esta pronto.

Assim que tirar do forno, coloque a calda de acucar por cima. Nao precisa encharcar a massa, mas tem que umedecer bem. Reserve pelo menos uma hora antes de servir.

شهية جيدة!

|Argentina – Chocotorta

Renata Mastandrea e completamente apaixonada pela Argentina. Ja tinha uma amiga que morava la, entao ela ia muito para o pais. Entre idas e vindas foram cerca de 16 vezes com muita passagem aerea na promocao. “Sempre achei os argentinos lindos, gatos… A balada aqui e incrivel. E sempre gostei muito do pais. Falava sempre para minha mae que precisava morar na Argentina. Eu nao sabia o que tinha aqui para mim… Tinha o Jorge. Casei!”, contou. Jorge e argentino e os dois se conheceram no Happn, um aplicativo de relacionamentos, e sao casados ha 3 anos. Atualmente os dois trabalham como fotografos, eternizando momentos de turistas (@fotografo_em_buenos_aires), e Renata tambem atua com turismo receptivo e da dicas incriveis no @mylittlebuenosaires.

Os dois preparam a Chocotorta, mas seguiram a receita do Jorge, “para ficar com o gostinho de licor”, como a propria Renata disse. Essa e uma sobremesa que surgiu da Argentina e preparacao se origina da fusao de biscoitos de chocolate (geralmente “Chocolinas”) e uma mistura de doce de leite e cream cheese.

Ingredientes
300 gr de doce de leite
120 gr de cream Cheese
Bolachas de chocolate Chocolinas (ou semelhante vendida no Brasil)
Chocolate 70 % cacao
20 ml de licor mistela

Modo de preparo Colocar na batedeira um pote de cream cheese + o pote de doce de leite e os 20 ml de licor. Bater ate ficar um creme e misturar tudo depois deixar um pouco na geladeira!

Separe o chocolate 70% e derreta no microondas por 1 minuto e 15, mais ou menos, junto da manteiga para fazer a cobertura. Feito isso, banhe as que vao em cima e deixe na geladeira por aproximadamente 15 minutos.

Montagem
Na base da tigela coloque uma camada de bolacha molhada em cafe e uma parte do recheio, fazendo a primeira camada. Repetimos esse passo a passo mais 3 vezes! Voce pode fazer quantas camadas quiser (costumamos fazer 3). Para finalizar a ultima camada, coloque as bolachas banhadas em chocolate junto do chocolate ralado.

Buen provecho!

|Australia – Protein Balls (bolinhas de proteina)

Flavia Pavan tem 25 anos, mora em Sydney, na Australia, ha 3 anos e e chef de cozinha. A ideia inicial era passar um tempo por la para aprimorar o ingles, mas ela acabou se apaixonando pelo estilo de vida. “Percebi que tinham muitas oportunidades para algo que eu amava fazer. Nao fazia ideia que isso ia virar minha rotina, meu hobbie, minha paixao e meu trabalho”, disse. Seu primeiro trabalho foi lavando loucas em um restaurante, mas nao demorou muito para descobrir que sua grande paixao seria cozinhar. Nao por acaso hoje ela trabalha no Opera House, ponto turistico mais famoso do pais. Flavia mostra um pouquinho da sua rotina no Instagram @flaviapavan.

“Decidi investir no que realmente eu acredito, antigos modos, comida de raiz, comida de verdade, que nao so nutria o nosso corpo fisico , mas tambem a nossa alma. Fugir cada vez mais da facilidade das comidas congeladas e sentir o verdadeiro sabor do alimento da hortinha organica do quintal de casa”. Foi ai que ela criou o CURA (@healingfoodcura no Instagram), sua marca de produtos. “Envolve tudo que eu acredito e e claro, o principal tempero: amor”, completou. Ela aproveitou para compartilhar com a gente a receita das famosas protein balls, snacks saudaveis e faceis de fazer.

Ingredientes
300 gr de tamaras secas ou frescas (se for secas, deixe de molho na agua por alguns minutinhos para amolecer e ficar mais facil de bater.) Tire os carocos se caso tiver.
100 gr de farinha de amendoas (voce tambem pode usar farinha de coco ou de outras castanhas)
50 gr de pasta de amendoim
30 gr de aveia
50 gr de qualquer castanha de sua preferencia triturada na faca para ficar os pedacinhos
2 colheres de maple syrup para adocar a gosto (voce pode usar mel, mas essa versao e vegana)
50 gr de coco ralado para cobrir a bolinha

Modo de preparo
Misture tudo no liquidificador e depois e so enrolar e cobrir com coco ralado. Caso a massa fique mole, basta incluir mais farinha de amendoas e, antes de enrolar, coloque a mistura um pouco na geladeira.

Fica uma delicia e super saudavel.

|Alemannha – Grune Sose (creme verde)

Francisco de Asiss e Dog Groomer em Hesse, na Alemanha, ha mais de 15 anos. Ele tambem escreve para diversas revista sobre banho e tosa em caes, da aulas, seminarios e workshops sobre o assunto em algumas cidades da Europa e tem um quadro na TV aberta (VOX). “Neste programa eu faco um antes e depois nos animais para que eles tenham mais chances de conseguirem uma nova familia”, explicou. Vale a pena ver as fotos desses cachorrinhos no seu Instagram @francisco_Hundesalon.

Francisco vem de uma familia que ja teve restaurantes em Sao Paulo e nos ensinou a fazer o Grune Sose Frankfurt (creme verde de Frankfurt). Este prato tem ate um Monumento no Bairro Oberrad, em Frankfurt, e e o unico monumento na Alemanha dedicado a um prato de comida. Como e feito com ervas frescas, vale destacar que Hesse celebra a primavera com a festa da Salsa Verde e tambem tem um memorial do Green Sauce criado pela artista Olga Schulz. As pequenas estufas feitas de vidro em varios tons de verde representam as ervas desse molho verde de Frankfurt. Legal, ne?

Ingredientes
De 150 a 200 gr de ervas frescas
– Sasinha
– Cebolinha francesa
– Cerefolio
– Brotos de ariao
– Azeda, azeda-de-ovelha, lingua-de-vaca ou azedinha
– Borrage, borraxa, Borracha, borracha-chimarrona ou foligem
– Pimpinela, pimpinela-hortense, pimpinela-menor, tintinela
700 gr iogurte natural
4 colheres de aopa de azeite de oliva
Suco de um limao
1 colher de sopa de mostarda
1 colher de cha de acucar
Sal e pimenta do reino a gosto
De 4 a 6 ovos cozidos
Obs: sasinha, cebolinha e cerefolho sao as mais dominantes, e a Borrage e a mais dispensavel.

Mode de preparo
A primeira opcao e picar bastante todas as ervas em uma bowl. Misture todos os outros ingredientes e adicione as ervas picadas. Quem prefere um molho mais liquido, pode colocar mais iogurte, e quem gosta mais cremoso pode por umas colheres de creme de leite em lata sem soro.

A segunda opcao e colocar todas as ervas no liquidificador com os outros ingredientes e bater o suficiente ate ficar uma textura homogenica, mas ainda com pedacinhos mais visiveis das ervas. Os ovos podem ser picados e misturados depois ou servidos como acompanhamento.

Normalmente este prato e acompanhado de batatas cozidas ou aspargos brancos.

Guter Appetit!

|Belgica – Pao com Cogumelos e Queijo Camembert

Daniella Garcia deixou Cuiaba ha 17 anos e se mudou para a Belgica. “Pais que eu amei desde o primeiro dia em que cheguei, curtindo cada descoberta em todas as estacoes. Fui recebida, respeitada e amada desde o principio”, disse. Daniella e casada, mae de 2 filhos, 1 gato, 1 cachorro e CEO do receptivo BemBelga (@bembelga no Instagram), que faz roteiros personalizados, city tours, traslados e pacotes na Belgica, em Luxemburgo e na Holanda, com atendimento em portugues e feito por pessoas locais. Ah! a BemBelga tambem faz atendimento personalizado para o festival Tomorrowland!

Daniella sugeriu um prato delicioso: pao tostado com cogumelos e queijo camembert. “Eu escolhi esse prato porque ha 17 anos, quando cheguei, nao curtia a comida daqui. Como sempre gostei de cogumelos, foi um perfect match”, finalizou.

Ingredientes
1 cebola media
2 dentes de alho
500 gr de cogumelos
200 gr de queijo camembert
Sal a gosto
Pimenta do reino a gosto
Cominho a gosto
Pitada de curcuma
Raspas de limao

Modo de preparo Frite a cebola no azeite, acrescente os cogumelos frescos fatiados (nao lave os cogumelos. Despele como se fosse cebola). Acrescente o alho. Coloque uma pitada de cada tempero mencionado acima e reserve. Coloque fios de azeite na frigideira, coloque o pao de forma, os cogumelos e o queijo por cima. Raspe limao por cima para dar um toque citrico. Tampe a frigideira para derreter o queijo.

Goede eetlust!

|Canada – Poutine

Rachel Pinho e de Fortaleza, mas ja vive em Vancouver, no Canada, ha 5 anos. Ela e mae de 2 adolescentes na High School, Co-fundadora e Diretora de Operacoes da Maple Exchange Programs (@mepcanada_intercambio no Instagram). “Assim consigo continuar aqui na minha paixao pela area da educacao”, explicou. Ela se diz uma otima cozinheira e confessou se apaixonar cada vez mais pela culinaria depois que imigrou. Isso fez com que ela tivesse que botar a mao na massa… Literalmente!

Apesar de constantemente preparar pratos brasileiros para matar a saudade de casa, Rachel preparou para nos o Poutine que, por excelencia, e o mais tradicional prato canadense. Ele surgiu na provincia de Quebec, no Canada, por volta dos anos 50 e faz parte do cardapio de todos os restaurantes, incluindo redes de fast food.

Ingredientes
Para o molho Gravy:
3 colheres de sopa de amido de milho
2 colheres de sopa de agua
6 colheres de sopa de manteiga sem sal
1/4 de xicara de farinha de trigo
600 ml de caldo de carne
300 ml de caldo de galinha
Sal e pimenta-do-reino a gosto
Obs: esses caldos podem ser caseiros ou comprados prontos. O que ficar mais gostoso e facil (mas com qualidade, sal no ponto e sem sabor artificial). No Canada temos muitas opcoes de bons caldos liquidos prontos (carne, galinha, peru, etc).

Para as batatas fritas:
1 kg de batatas (aqui usei batatas Rousset, mas pode usar outra parecida ou ate mesmo as congeladas ja cortadas)
Oleo para fritar

Para a cobertura
De 1 a 1,5 xicaras de “cheese curds” (coalhos de queijo). Aqui no Canada, para Poutine, usa-se coalhos do queijo cheddar branco, antes de por para envelhecer. E facil encontrar “cheese curds” em varios supermercados. Mas caso nao seja possivel, voce pode usar pedacos de queijo coalho brasileiro mole ou de mucarela (rasgando os pedacos com as maos). Nao pode ralar o queijo e tem que usar pedacos grandinhos para que nao derretam totalmente ao colocar o gravy.

Modo de preparo
Gravy
Dissolver o amido de milho na agua. Reservar.
Em uma panela grande, derreter a manteiga. Adicionar a farinha mexendo sempre por aproximadamente 5 minutos ou pouco mais, ate que a mistura fique com cor marrom dourada. Adicionar os caldos de carne e de galinha mexendo ate levantar fervura. Misturar metade da mistura do amido de milho e ferver por mais ou menos um minuto. Ver a consistencia e, se quiser o gravy mais grosso, colocar mais da mistura do amido aos poucos. Aqui usei pouco mais da metade dessa vez.

O gravy tem que ficar numa consistencia nem muito liquida, nem muito grossa, mas que possa “ensopar” um pouco as batatas. Temperar com pimenta-do-reino a gosto. Provar o sal. Adicionar sal se necessario a gosto. Cuidado caso os caldos ja forem salgados. Fazer o gravy antes de fritar as batatas e reaquecer se necessario quando elas tiverem prontas.

Batata fritas
Lavar e preparar as batatas. Cortar em largura tipica para fritas (aproximadamente 1,2cm de largura). Colocar numa tigela grande e cobrir completamente com agua fria por uma hora no minimo. Quando prontas para fritar, esquentar o oleo numa panela grande ate 150°C. Tirar as batatas da agua e secar bem no papel toalha. Enxugar as batatas de todos os lados para tirar o maximo de umidade possivel.

Colocar as batatas dentro do oleo e fritar por 5 a 8 minutos so ate que comecem a ficar cozidas, mas ainda nao douradas. Tirar as batatas do oleo e deixar em um escorredor ou papel toalha. Aumentar a temperatura do oleo para 190°C. Recolocar as batatas para fritar ate ficarem douradas no ponto dessa vez. Tirar as batatas e deixar escorrer no papel toalha.

Obs: assim fiz as batatas para essa receita. Deixo aqui como dica esse processo em duas etapas, para obter batata fritas bem crocantes por fora e no ponto por dentro. Mas cada um pode fritar suas batatas como preferir.

Finalmente, La Poutine!
Escolher um prato fundo de sua preferencia, colocar as batatas fritas quentinhas e temperar com um pouco de sal quando ainda quentes. Adicionar uma concha de gravy sobre as fritas. Com um pegador ir misturando algumas batatas ao gravy. Adicionar mais gravy cobrindo a maioria das fritas. Adicionar os pedacos de queijo e adicionar um pouco mais de gravy e misturar com o pegador e com cuidado. Polvilhar com o moedor a pimenta-do-reino fresca, e servir imediatamente!

Bon appetit!

|Chile – Sopaipilla

Priscila Pasquali mora no Chile ha 5 anos e trabalha com turismo desde que chegou no pais. Ela, inclusive, tem um Instagram @dicasdapri_chile, onde mostra como e a dinamica dos passeios voltados para brasileiros que sao vendidos na agencia. “Sao lugares que o cliente 99% das vezes nao vai conhecer por conta propria. Envolve dirigir na Cordilheira dos Andes e, muitas vezes, na neve. Sao cerca de 8 passeios vendidos pela agencia e praticamente todo brasileiro que vem para ca contrata ao menos 4 deles”, explicou.

Ela aproveitou para nos ensinar a fazer um prato cheio de recordacoes, a sopaipilla. “A primeira vez que eu comi foi quando eu cheguei aqui e fui para a casa da avo do meu namorado. Ela fez a receita bem tradicional”, explicou. Segundo Priscila, o prato e algo que voce vai encontrar da barraquinha de rua ate em um restaurante mais bacana. Ela aconselha comer a sopaipilla acompanhada de um vinagrete.

Ingredientes
2 xicaras (280 gr) de farinha de trigo
1 xicara de agua morna
1 colher de cha de fermento
1 colher de cha de manteiga
1 pitada de sal
1 xicara de oleo para fritar

Modo de preparo
Para comecar a preparar a massa das sopaipillas, misture a farinha, o fermento, o sal e a agua lentamente usando as maos. Acrescente a manteiga e sove ate obter uma massa lisa e compacta, que nao gruda. Cubra com um pano e deixe repousar por 15 ou 20 minutos. Modele bolas de massa e abra com os dedos ou com a ajuda de um rolo. Esquente o oleo para fritar e adicione as rodelas de massa quando estiver bem quente. Deixe fritar ate que elas fiquem infladas e douradas dos dois lados. Sirva.

Buen provecho!

|Colombia – Peixe Frito com Arroz de Coco e Patacones

Juliana Rotta e de Sao Paulo, mas ha 3 anos mora em um dos paraisos caribenho, Cartagena, na Colombia. Depois de namorar muito tempo a distancia com um venezuelano, os dois se casaram e foram para a Colombia quando seu marido recebeu uma proposta de emprego. Juntos, criaram a The Experience Travel (@thexperiencetravel no Instagram), uma agencia de viagens em Cartagena especializada em receber brasileiros. “Hoje em dia trabalhamos com os principais passeios, tours, roteiros personalizados, experiencias em Cartagena, Bogota e Medellin”. O Instagram tambem e cheio de dicas e fotos incriveis do destino.

Juliana aproveitou para nos ensinar a fazer uma receita bem caribenha: Peixe inteiro frito com arroz de coco e patacones. “O arroz de coco e muito popular em Cartagena. E um prato tradicional perfeito para acompanhar peixes e frutos do mar”, explicou. “Os patacones sao faceis de preparar e podem ser servidos como entrada acompanhados de guacamole”, sugeriu.

Peixe
Ingredientes
2 peixes limpos (pacu ou tilapia) e sem escamas
1 dente de alho picado
1 colher de sopa de paprica (paprica doce)
1 pitada de pimenta do reina
1 pitada de cha de sal grosso
2 colheres de sopa de amido de milho (maizena)
Oleo para fritar

Modo de preparo
Faca 3-4 cortes diagonais em ambos os lados de cada peixe. Tempere cada peixe com uma pitada de pimenta, paprica, alho e uma pitada de sal. Espalhe bem o sal e a pimenta, certificando-se de que entre nos cortes. Espalhe cada peixe com amido de milho. Frite por 4-5 minutos de cada lado ate dourar. Retire do oleo e coloque em papel toalha para drenar o excesso de oleo. Servir.

Arroz de Coco
Ingredientes
2 xicaras de leite de coco enlatado ou fresco
1 xicara de arroz
1 colher de cha de sal
2 xicaras de agua
2 colheres de sopa de acucar
1/3 xicara de passas

Modo de preparo
Coloque o leite de coco em uma panela e cozinhe em fogo medio por cerca de 30 minutos, raspando o fundo da frigideira de tempos em tempos para impedir que o coco queime. Acrescente o arroz e cozinhe, mexendo sempre, ate ficar todo erro ficar caramelizado. Adicione a agua, passas, sal e acucar. Deixe ferver, mexendo uma vez. Reduza o fogo para baixo e cozinhe. Cubra por cerca de 20 minutos ou ate o arroz ficar macio e a agua absorvida. Retire do fogo e deixe descansar por 5 minutos. Sirva quente e aproveite.

Patacones
Ingredientes
Banana da terra verde
Sal
Alho amassado

Modo de preparo
Os patacones, sao rodelas de banana verde que sao fritas duas vezes. Descasque a banana verde em rodelas e frite em oleo quente ate amolecer. Em seguida, escorra e esmague para que ela fique com uma forma redonda. Passe no ssar no sal e no alho amassadinhos e frite novamente ate ficar dourado.

Buen provecho!

|Colombia – Arepa

Angelo Rosa tem 47 anos e mora em Bogota, na Colombia, entre idas e vindas, tem 20 anos de historia no pais. Ele e Chef de Cozinha no restaurante Alo Brasil (@alobrasilcol no Instagram) e apesar de atualmente se dedicar a preparar pratos brasileiros, estudou afundo a gastronomia colombiana “porque precisava entender dela para poder explicar as diferencas com a cozinha brasileira”, como ele mesmo disse.

Ele fez duas receitas para nos. A primeira delas e a Arepa Colombiana, consumida em todo o pais geralmente no cafe da manha e nos lanches. Elas sao como um pao de milho e podem ser recheadas com varios ingredientes como queijo, carne, ovos etc. A palavra arepa tem origem no termo erepa, que significa broa de milho em linguas indigenas da Colombia e Venezuela.

Ingredientes (receita para 12 porcoes)
2 xicaras de farinha de milho fina
4 xicaras de agua
1/2 xicara de queijo mozarela picadinho
Sal e pimenta a gosto
Aceite e manteiga

Modo de preparo
Misturar a farinha com a agua. Agregar o queijo, o sal e a pimenta. Sovar bem. Fazer bolinhas e logo aplanar com a mao ou com dois pires fazendo pressao para criar um circulo. Voce pode fazer a arepa do tamanho que desejar. Aqui fizemos uma tamanho coquetel.

Logo na frigideira, colocar meia colherzinha de aceite e meia de manteiga. Quando estiver quente, colocar as arepas. Deixar de um lado cerca de 5 minutos ou ate que estejam com uma casquinha crocante. Virar e deixar tostar do outro lado.
Ao comer, voce pode colocar sobre elas mais queijo, vinagrete, carne moida preparada ou qualquer recheio que voce gostar! A mesma receita pode ser feita no forno.

Buen provecho!

|Colombia – Sancocho Trifasico

A segunda receita sugerida por Angelo Rosa, que vive na Colombia e e chef no restaurante Alo Brasil (@alobrasilcol no Instagram), e o Sancocho Trifasico. A origem do Sancocho vem do Cozido Espanhol e dos estofados europeus. Muito consumido pelas familias colombianas, e um prato tipico em todo o pais. O Sancocho tem varias versoes, como de peixe, de frango e carne. Aqui temos a receita do Trifasico.

Ingredientes
(Receita para 6 porcoes)
Meio quilo de frango (coxa/sobre coxa)
Meio quilo de costelinha de vaca picada
Meio quilo de costelinha de porco picada
1 cebola branca picada
1 pimentao verde picado
1 pimentao vermelho picado
2 tomates sem pele picados
2 batatas descascadas e cortadas em pedacos
2 mandiocas medias cortadas em pedacos
1 platano verde ou uma banana verde cortada em pedacos
2 milhos verdes picados
2 dentes de alho finamente picados
2 colheres de sopa de azeite
Coentro a gosto
Temperinho verde a gosto
Sal e pimenta a gosto
1,5 litros agua

Modo de preparo Leve uma panela de barro ou de ferro de preferencia, ou uma panela grande ao fogo com o azeite. Agregar a cebola, a costelinha de vaca, a de porco e o frango. Fritar ate que estejam dourados. Acrescentar o alho e depois o tomate e os pimentoes. Deixar cozinhar por 5 minutos e acrescentar a agua.

Quando comecar a ferver, colocar a mandioca, as batatas, o milho e o platano ou banana. Acrescentar o sal e a pimenta. Fechar e deixar cozinhar por aproximadamente uma hora e meia (30 minutos se usar panela de pressao). O ponto sera uma sopa cremosa. Colocar o coentro, o temperinho verde e retificar o sal. Servir com arroz branco.

Buen provecho!

|Coreia do Sul – Kimbap

Thalita de Abreu vive na Coreia do Sul ha 4 anos. O principal objetivo? Aprender coreano para iniciar um mestrado no futuro. “As coisas fugiram um pouco do meu planejamento e me tornei professora aqui”, disse. Hoje em dia ela trabalha em uma pre-escola e vive com o marido, que e coreano. Isso foi um impulso para ela aprender a fazer comida coreana. “Agora nao vivo mais sem”, completou. Ela compartilha um pouco sobre como e viver no pais atraves do seu canal no Youtube, Lita Gim, e no Instagram @gimlita.

Thalita nos ensinou a fazer Kimbap, o “sushi coreano”. Ele tambem e feito com arroz cozido e enrolado com outros ingredientes na alga. Ha duas versoes diferentes que explicam a origem do prato. A primeira diz que ele foi derivado do norimaki, uma variante de sushi introduzida na Coreia durante a ocupacao japonesa. A segunda diz que o Kimbap foi desenvolvido a partir da tradicao local de enrolar o bap (arroz cozido) e o bancha (acompanhamentos) na alga.

Ingredientes
400g de arroz japones/coreano ja pronto e na temperatura morna (Prepare do jeito que indica na embalagem.)
2 folhas de alga para sushi
1 colher de cha de oleo de gergilim
1 colher de cha de gergilim torrado (opcional)
Metade de uma colher de cha de sal
1 lata de atum de 200 gr
3 colheres de sopa de maionese
4 tiras de kani
Picles de nabo – danmuji (opcional)
Pepino
50 gr de peca de presunto

Modo de preparo Tempere o arroz ja cozido com 1 colher de cha de oleo de gergilim, 1 colher de cha de gergilim torrado e metade de uma colher de cha de sal. Reserve. Corte o pepino e o presunto em tiras grossas na diagonal. Caso prefira usar o picles de nabo (danmuji) retire toda a agua dele e reserve. Unte uma frigideira com oleo e frite as tiras de presunto. Reserve. Desfie o kani e reserve junto com os outros ingredientes ja preparados. Retire todo o oleo do atum e misture bem 3 colheres de sopa de maionese.

Montagem Prepare uma esteira para sushi. Caso nao tenha, nao tem problema. Coloque o lado brilhoso da alga para baixo na esteira ou em alguma superficie lisa e seca. Espalhe uma camada fina de arroz pela alga e deixe 1 centimetro de espaco na ponta, sem arroz. Deixe a camada de arroz de meio centimetro no maximo, sem deixar buracos e bem uniforme. Coloque a metade do atum com maionese 2 centimetros antes da ponta da alga que foi coberta pela camada de arroz. Coloque os outros ingredientes por cima do atum com maionese.

Como enrolar
Caso tenha a esteira, nao use agora. Enrole o kimbap sem a esteira comecando pela parte recheada ate o fim. Agora e a hora de usar a esteira: enrole o kimbap mais uma vez pressionando-o sem muita forca para que ganhe forma. *Caso nao tenha esteira, voce pode fazer isso com as maos sem nenhum problema, apenas tenha cuidado para nao quebrar a alga.

Pincele oleo de gergilim pela alga. Fatie o kimbap usando uma faca de corte em tiras de tamanho medio. Ficam aproximadamente 10 ou 11 tiras.

|Costa Rica – Gallo Pinto

Caio Rosa e um apaixonado pela Costa Rica. E basta 5 minutos de conversa com ele para voce querer fazer as malas e ir conhecer o pais. “Aqui e incrivel. Quando cheguei achei que nao ia me acostumar, mas por incrivel que pareca eu so volto para o Brasil de ferias. E perfeito!”, disse. Ele mostra um pouquinho da paixao pelo pais no Instagram @caiorosachef. Segundo Caio, as pessoas cuidam muito bem do corpo, preferem comidas leves e as refeicoes tem sempre frutas, arroz integral, suco natural, etc. Caio chegou na Costa Rica em novembro de 2019 e trabalha como chef no Ranchos Itauna (@ranchositauna no Instagram), em Santa Teresa, um hotel pertinho da praia e com dona brasileira!

Caio preparou um Gallo Pinto, prato tipico da Costa Rica que tem como base o arroz e feijao e, segundo ele, lembra o baiao de dois. Curiosidade: o Gallo Pinto pode ser consumido em qualquer refeicao do dia, mas normalmente e servido no cafe da manha, acompanhado de ovos mexidos ou fritos e banana da terra grelhada.

Ingredientes
1/2 cebola cortada em cubos
1 pimentao vermelho cortado em cubos
2 dentes de alho picados
1/4 colher de cha de sal
1/2 xicara de arroz cozido,
3/4 xicara de feijao preto cozido ou enlatado
1 maco de coentro
Molho lizano (molho de vegetais e especiarias)

Modo de preparo
Refogue a cebola e o pimentao em uma panela com um pouco de oleo em fogo medio. Mexa constantemente para nao grudar, ate que a cebola esteja bem dourada e translucida. Adicione o alho e refogue por mais 1 minuto. Acrescente o feijao cozido e o molho lizano e mexa. Acrescente o arroz cozido em seguida e mexa mais um pouco. Sirva acompanhado de um ovo frito e banana grelhada.

Buen provecho!

|Croacia – Risoto Nero

Priscila e paulista e mora em Dubrovnik, na Croacia, ha quase 13 anos. Ela e casada com um croata e esse, claro, foi o principal incentivo para ela se mudar para o pais. Priscila e licenciada pelo ministerio do turismo croata e desde 2010 trabalha como guia e faz tours em portugues por la. “Meu maior publico e de turistas que preferem passeios privativos/particulares nao so em Dubrovnik, mas sim em toda a Croacia”, explicou. No site www.descubracubrovnik.com e possivel encontrar todos os passeios. Ela tambem compartilha muitas dicas no Instagram @descubra_dubrovnik.

Priscila nos ensinou a fazer o risoto nero, que fica com o arroz preto por conta da tinta da lula. A Croacia tem uma longa costa, com cerca de 1800 quilometros de extensao, e por isso sua culinaria e rica em frutos do mar.

Ingredientes
500 gr de lula picada
1 xicara de arroz branco
Salsinha a gosto
1 cebola,
2 dentes de alho
Azeite
Sal a gosto
Pimenta a gosto
Sepia da lula para dissolver em agua (pacotinhos sao vendidos em emporios)

Modo de preparo
Limpe e lave as lulas. Em seguida, corte-as em pequenos pedacos. Em uma panela, refogue a cebola e o alho no azeite e acrescente a salsinha. Acrescente as lulas picadas e refogue por 5 minutos. Dissolva a sepia em agua de acordo com a embalagem e prepare o liquido negro. Acrescente o liquido e o arroz na panela. Deixe cozinhar de 10 a 15 minutos. Acrescente a pimenta e o sal e sirva quente.

Dobar apetit!

|Emirados Arabes – Comida arabe

Giovanna Curi mora ha 6 anos em Dubai, nos Emirados Arabes. Voce provavelmente vai se apaixonar pelas fotos que ela posta no Instagram @giovannacuri … Ela e fotografa profissional ha 10 anos e faz imagens incriveis de turistas por la, principalmente casais em lua de mel, familias e ensaio solo. No perfil da rede social ela tambem compartilha algumas dicas de Dubai e Abu Dhabi, alem de receitinhas deliciosas. Nao e por acaso que ela tambem trabalha com guias de turismo fazendo um “acompanhamento fotografico” pelas cidades. Tailandia e Maldivas tambem sao outros destinos onde ela trabalha!

Giovanna preparou um verdadeiro jantar arabe com tudo que temos direito: homus, babaganuche, quibe e tabule. Vale lembrar que a culinaria arabe tem raizes milenares e tem sabores unicos.

Homus
Ingredientes
300 gr grao de bico seco in natura
1 colher de sobremesa de bicarbonato
1 dente de alho
100 gr de tahine (pasta de gergelim)

Modo de preparo
Coloque o grao de bico em uma vasilha com agua quente, o bicarbonato e 1 dente de alho, ate que solte a casquinha. Esse processo demora de 6 a 12 horas. Depois, cozinhe o grao de bico e misture com o tahine e o alho no liquidificador.

Babaganuche
Ingredientes
3 berinjelas grandes
5 dentes de alho
Meia cebola grande
Suco de 1 limao
Salsinha a gosto
Hortela a gosto
2 colheres de sopa de tahine
1 pepino pequeno
Roma a gosto

Modo de preparo
Lave as berinjelas e faca pequenos furos com o garfo. Em uma assadeira coberta com papel aluminio, coloque as berinjelas no forno a 180°C e deixe assar ate que a casca fique queimadinha. Retire do forno, espere esfriar, tire o recheio da casca e coloque em um recipiente. Acrescente alho quente (coloque no microondas e esquente ate que fique bem mole), meia cebola picada, suco de limao, a salsinha, o hortela, o tahine e misture tudo no liquidificador. No Oriente Medio e comum acrescentar pepino picado e roma. Acrescente se quiser.

Quibe
Ingredientes
250 gr de trigo para quibe
500 gr de carne moida
3 dentes de alho picado
1 cebola grande picada
Salsinha a gosto
Hortela a gosto

Modo de preparo
Para desidratar a farinha de trigo para quibe, coloque-a em um recipiente com 500 gr de agua natural e espere aproximadamente 30 minutos. Tire a agua, coloque em um pano limpo e seco, faca uma trouxinha e aperte ate a farinha ficar bem seca.

Misture a farinha de trigo ja hidratada, a carne, a salsinha, o hortela, a cebola, o alho e os temperos ate formar uma massa. Reserve. Divida a massa em formatos de quibe e coloque para assar ou fritar. Voce tambem pode comer cru ou, em um recipiente, faca receado com nata (uma cada de quibe, uma de nata e mais uma de quibe). Coloque no forno ate dourar.

Tabule
Ingredientes
50 gr de trigo para quibe
Um maco de salsinha
Hortela a gosto
1 tomate picado
1 pepino picado
Meia cebola grande
2 dentes de alho
Roma a gosto

Modo de preparo
Hidrate a farinha de trigo para quibe como feito anteriormente. Pique todos os ingredientes e misture com a farinha de quibe. Quanto mais miudo, mais gostoso vai ficar.

Sirva todas as receitas na mesa acompanhado de pao.

شهية جيدة

|Escocia – Cranachan

Anelise vive na costa de Fife, na Escocia, com a familia. Ela faz doutorado em Politica na Universidade de Edimburgo, onde tambem trabalha como instrutora do curso de desenvolvimento sustentavel. Alem disso, e fotografa e tem um blog onde mostra tudo sobre a Escocia www.vidanaescocia.com.br, @vidanaescocia no Instagram. Em paralelo, organiza passeios e tours pelo pais. Que tal para a proxima viagem?

Denise aproveitou para nos ensinar a fazer Cranachan, uma sobremesa tipica das Terras Altas na Escocia. O doce leva dois dos principais itens de consumo local: whisky e aveia.

Ingredientes
50 gr de acucar
125 gr de aveia em flocos grossos
450 gr de framboesas (ou qualquer outra fruta)
3 colheres de sopa de whisky
1½ colheres de cha de extrato de baunilha
450 ml de creme de leite batido, ou chantilly, ou creme de coco batido

Modo de preparo
Para fazer a aveia caramelizada, coloque metade do acucar com 2 colheres de sopa de agua em uma panela pequena em fogo baixo e deixe por 5 minutos. Em seguida, em uma frigideira, toste a aveia, mexendo-a sempre. Quando a calda de acucar estiver em ponto de mel, adicione a aveia a panela e misture, para caramelizar a aveia. Transfira a aveia caramelizada, ainda quente para uma assadeira, espalhe-a (para que fique mais facil de quebrar depois) e deixe esfriar.

Enquanto isso, coloque as frutas em uma panela, com o resto do acucar, em uma panela media, e aqueca ate que fique com consistencia de um pure. Agora adicione o whisky e a baunilha ao creme de leite e bata ate formar picos. Em seguida, incorpore quase toda a aveia (separe um pouco para decorar), misturando com um garfo ou colher. Quebre a aveia, se necessario, para que os flocos caramelizados nao fiquem muito grandes.

Montagem
Alterne camadas: uma do creme, uma de fruta, e decore com o resto da aveia e alguma fruta, ou o que sua criatividade sugerir.

Deagh mhiann!

|Estados Unidos – Almondegas de Salmao

Erica Mauricio e nutricionista, mora em San Jose, na California, Estados Unidos e tem um filho, Caua, de 5 anos. “Diariamente tento diversificar a alimentacao e encontrar opcoes saudaveis, ja que aqui e o pais dos industrializados”. Segundo ela, a California e o Estado que possui mais alimentos organicos e uma culinaria muito parecida com a brasileira. “Existe uma influencia mexicana, entao fica facil encontrar alguns produtos consumidos por nos”, completou.

A receita que ela preparou para nos e uma variacao do salmao, ja que por la e algo barato e consumido quase sempre assado. “A almondega e um prato muito consumido por criancas, entao pensando no meu filho, criei esta receita e acompanhei com um delicioso fettucine ao molho de espinafre”, finalizou.

Ingredientes
500 gr de salmao sem pele e sem espinhos (pode ser substituido tambem por tilapia)
Cebola
Alho
Alho poro
Sal a gosto
Endro ou dill a gosto
Salsinha (aqui e conhecido como Parsley)
150 gr de brocolis e cenoura ralados (pode usar qualquer outro legume como abobrinha, abobora, etc)
Farofa de pao para dar liga (eu assei o pao ate virar torrada e depois ralei)

Modo de preparo
Bater com um mixer todos os ingredientes acima, exceto a farinha e sal. Passar essa massa para um bowl e ir acrescentando farinha de pao ate dar liga. Acrescentar o sal. Em uma assadeira forrada com papel aluminio, colocar as bolinhas da almondega e borrifar com um pouco de oleo. Levar para assar por no minimo 40 minutos, ou retirar quando estiverem coradas e assadas por dentro. Servir com uma massa a base de molho branco ou um pure.

Enjoy your food!

|Estados Unidos – Cacarola de Frango com Arroz

Selma Quarterone, de 56 anos, atualmente mora em Champaign, Illinoiss. Ela vive nos Estados Unidos ha 5 anos e se mudou porque seu marido foi transferido dentro da empresa em que trabalhava no Brasil. Selma e daquelas que adora fazer pratos brasileiros para matar a saudade do pais. Mas na hora de sugerir um prato dos EUA, nada de hambuguer com batata frita.

Ela preparou uma bela cacarola de frango e arroz. “Amo fazer esse prato. E simples e um prato completo. Nao se esqueca de abrir um vinho e tomar enquanto voce prepara ao som de uma musica gostosa”, disse. Para quem nao sabe, a cacarola faz parte da mesa do Dia de Acao de Gracas nos Estados Unidos, o famoso “Thanksgiving Day”.

Ingredientes
600 a 800 gr de sobrecoxa de frango (sem pele)
2 linguicas calabresa cortadas em rodelas
Bacon cortado
2 xicaras de arroz (lavado)
1 repolho pequeno cortado grosseiramente
1 brocolis cortado
1 cebola grande picada
3 dentes de alho picados
2 cubos de caldo Knorr (pode ser de bacon ou de frango)
Sal, pimenta-do-reino e acafrao a gosto
200 gr de mucarela ralada
Cebolinha picadas
Vinho ou vinagre
Alecrim
Agua fervida
3 folhas de louro

Modo de preparo
Enquanto voce pica os ingredientes, deixe o frango marinando no vinho ou vinagre com o acafrao e alecrim. Coloque o alho, a cebola e o louro na panela com a linguica e o bacon. Depois que dourar, acrescente o frango com o caldo do vinho ou vinagre. Acrescente o acafrao e os cubos de Knorr.

Misture e acrescente o arroz, mexa e coloque a agua fervida. Quando estiver borbulhando, coloque o brocolis, o repolho e um pouco mais de agua (ate que voce sinta que o arroz esta no ponto). Para finalizar, coloque a cebolinha e o quejo. Espere derreter e sirva quente.

Obs: tem que sempre mexer do fundo pra cima quando estiver quase no fim para nao queimar.

Enjoy your food!

|Espanha – Tortilla de Patatas

Juliana Francini sempre quis morar na Espanha. Entao se mudou e comecou a procurar trabalho. Ela e jornalista e nao demorou muito para conseguir um emprego na area. Ela completou 4 anos em Madri e atualmente trabalha com jornalismo esportivo, que sempre foi uma grande paixao.

A Ju nos ensinou a preparar um classico espanhol, tortilla de patata, uma especie de omelete com ovos e batatas. “Foi uma das primeiras receitas que aprendi quando cheguei aqui na Espanha. Qualquer espanhol que se preze sabe fazer uma tortilla de patatas”, disse. Ela pode ser comida quente ou fria! A primeira mencao a tortilha foi em um documento de Navarra, o Memorial de La ratonera, em 1817. Esse era um prato muito consumido pelos camponeses na epoca, ja que era facil de fazer, alem de ser muito nutritivo e ter baixo custo.

Ingredientes
6 ovos
3 batatas
1 cebola
Azeite extra virgem
Sal

Modo de preparo
Descascar as batatas e cortar em rodelas fininhas. Juntar com a cebola picada e acrescentar sal. Levar tudo a uma frigideira e cobrir toda a mistura com azeite em fogo medio ate dourar. Tirar da frigideira e deixar escorrer totalmente o azeite.

Bater a mao todos os ovos e juntar com a mistura do passo 1, colocando sal a gosto e misturando bem. Untar uma frigideira antiaderente com azeite (pode reutilizar a sobra do passo 1) e jogar a mistura, de maneira homogenea e bem distribuida. Deixar em fogo baixo.

Quando a parte de baixo estiver no ponto (em 5 minutinhos ou menos), virar a tortilla com a ajuda de um prato, e deixar ate que o outro lado tambem chegue no ponto desejado. Pode ser servida sozinha, com pao ou outro acompanhamento a gosto. Alem disso, pode-se comer fria ou quente, como preferir.

Buen provecho!

|Filipinas – Adobo de Frango

Jessica e a dona do Instagram @umabrasileiranasfilipinas. Ela e brasileira, mas viveu durante 2 anos no pais que muita gente sonha em conhecer (inclusive eu!). Ela se mudou para a Asia com o noivo, que recebeu uma proposta de trabalho por la. Atualmente eles estao no Brasil, mas tem muito video sobre as Filipinas no canal do Youtube Uma Brasileira nas Filipinas.

O adobo de frango e um dos pratos mais tradicionais das Filipinas e um dos favoritos de Jessica. Tem como principais ingredientes o frango ou o porco (ou a mistura dos dois) e, claro, um molho inconfundivel. “Esse prato ganhou meu coracao. O molho adocicado e sensacional e muito facil de fazer”, disse.

Ingredientes
1 kg de coxa e sobrecoxa de frango
3 colheres de sopa de vinagre
1/2 xicara de shoyu
Pimenta a gosto (geralmente se usa jalapeno e pimenta preta)
5 dentes de alho
1 cebola grande
1 folha de louro
2 colheres de acucar
Sal a gosto
1/2 xicara de agua
Oleo

Modo de preparo
Tempere o franco com o alho, cebola, sal e pimenta (nas Filipinas eles usam muita pimenta). Em uma panela, coloque uma quantidade de oleo que de para fritar o frango, porem nao e necessario muito a ponto de cobrir os pedacos inteiros. Depois de todos os pedacos de frango fritos, retire da panela e reserve. Na panela com o oleo, acrescente o shoyu, o vinagre, o louro, o acucar, o sal e um pouco mais de pimenta conforme seu gosto. Coloque agua e mexa bastante. Deixe fervendo por 5 minutos. Em seguida, coloque o frango frito nesse molho, cozinhe por mais 15 minutos e pronto. Sirva com arroz.

Mabuting gana!

|Finlandia – Sopa de salmao

Tamy e brasileira, mas mudou para o Japao quando ainda era adolescente. Foi la que ela conheceu o seu marido, Olli, que e finlandes. Os dois moraram no Japao por 2 anos ate decidirem se mudar para Helsinki, na Finlandia, ha 5 meses. “Estou aguardando o processo do visto para poder aplicar para faculdade em 2021”, disse. Tamy compartilha um pouco da vida por la no Instagram @tamynafinlandia, e no canal do Youtube tamynafinlandia.

Vivendo em um pais nordico, Tamy nos ensinou a preparar uma comida perfeita para os dias mais frios. “Quando voce muda para ca, as pessoas indicam muito a sopa de salmao para voce provar”, disse, acrescentando que e possivel encontrar o prato em quase todos os restaurantes do pais. “Como temos um inverno longo, e um prato agradavel para esquentar o corpo”, finalizou.

Ingredientes
500 gr de salmao sem pele e cortado em pedacos grandes
10 batatas descascadas e cortadas em pedacos
3 cenouras em fatias
1 cebola em fatias finas
1 alho-poro em fatias finas
1 litro de agua
Sal a gosto
Manteiga
1/4 de colher de cha de pimenta branca
1/2 colher de cha de pimenta da Jamaica
1 folha de louro
1/2 lata de creme de leite
Endro a gosto

Modo de preparo
Derreta um pedaco de manteiga em uma panela pequena e refogue o alho-poro e a cebola. Eles precisam ficar translucidos e marrons. Em uma panela com agua quente, adicione os pedacos de batata e cenoura, o alho-poro refogado, a cebola e as especiarias. Ferva por 15 minutos. Adicione o salmao. Polvilhe sal por cima. Ferva delicadamente o peixe pronto. Pre-aqueca o creme em uma panela a e adicione-o a sopa. Verifique o sabor e adicione sal, se necessario. Por ultimo, adicione o endro.

Hyva ruokahalu!

|Franca – Quenelle

Pryscila Musso vive em Lyon, na Franca, e desde 2014 tem uma empresa de turismo especialista em vinhos e em WINE & FOOD tours (ja quero!), a Vititours, @vititoursfrance no Instagram. Alem disso, ela compartilha varias dicas sobre o pais no blog www.descubraafranca.com.br, @descubraafranca no Instagram. Vale a pena navegar por la e fazer uma viagem virtual.

Ela preparou uma receita tipica de Lyon, quenelle, harmonizada com vinho, claro! A quenelle foi criada nos anos 30 por Charles Morateur, um pasteleiro, quando peixes de lucio invadiram o rio Saone e Morateur teve o insgight de mistura-los com massa. Apos a Segunda Guerra Mundial o prato ganhou uma variacao e passou a ser feito com farinha, manteiga e leite e diferentes opcoes de recheio como a que Pryscila preparou. “Na Franca nos encontramos facilmente as quenelles prontas. Mas podemos tambem fazer em casa. A receita basica e simples e muito saborosa”, explicou.

Ingredientes
(receita para 10 quenelles pequenas)
100 gr de manteiga
120 gr de farinha de trigo
100 gr de queijo gruyere ralado
3 ovos
Noz moscada ralada
200 ml de agua

Tempo de preparo: 1h
Tempo de cozimento: 40 min

Modo de preparo
Esquente em um copo (pode ser no microondas) a agua, a manteiga e um pouco de sal. Quando a manteiga estiver derretida, adicione a farinha e cozinhe em uma panela em fogo brando por aproximadamente 10 minutos, mexendo sem parar. Fora do fogo, adicione o queijo Gruyere e os ovos. Quando a mistura estiver esfriando um pouco, adicione a noz moscada. Forme bolinhos pequenos (como na foto) em uma superficie coberta de farinha (para nao grudar) e coloque os bolinhos no congelador por 30 minutos para eles firmarem bem.

Agora voce pode preparar seu molho preferido. Pode ser um molho de tomates, por exemplo. Em seguida, basta levar ao forno as quenelles cobertas pelo molho (aconselho cobrir bem as quenelles com o molho) por cerca de 30 ou 40 minutos.

Harrnonizacao
A harmonizacao sempre dependera do molho de acompanhamento e do tipo de quenelle. Nesta receita de Quenelle Nature com molho de tomates, eu aconselho um Cotes du Rhone como vinho tinto, ou um rose (de Tavel e uma boa pedida).

Bon appetit!

|Franca – Salada Quente

Roberta Caroline e consultora digital learning em Paris, onde vive ha alguns anos. Ela nos ensinou a fazer uma receita que gosta muito e e inspirada em um restaurante de Paris, Chez Papa. Pode soar estranho, mas a salada quente surpreende o paladar, alem de ser extremamente facil de preparar.

Ingredietes
1 molho de alface (ou outra folha da sua preferencia)
2 tomates picados
Milho a gosto
Uma peca de queijo da sua preferencia
2 batatas cortadas em rodelas
Sal a gosto
Salsinha a gosto

Modo de preparo
Em uma frigideira, frite as batatas cortadas, adicione sal e salsinha. Pique o queijo e coloque na frigideira com as batatas para derreter em fogo baixo (para nao queimar). Coloque o alface em um recipiente, acrescente os tomates picados, o milho, a combinacao de batatas com queijo derretido e misture bem.

|Grecia – Pastitisio

A cearense Amanda Fontenele vive ha 9 anos da experiencia de percorrer os rastros dos gregos antigos e aprender sobre os habitos dos gregos modernos. Atualmente vive em Creta, se reinventou e trocou a contabilidade pelo turismo. Amanda trabalha com receptivo no pais desde 2015, onde tem uma operadora e agencia de viagens especializada, A Grecia do Seu Jeito. Ela tambem compartilha fotos e dicas no Instagram @agreciadoseujeitoviagens.

Amanda nos ensinou a fazer pastitisio, prato classico que, como ela mesma diz, “costuma agradar gregos e troianos”. “Escolhi um prato que faz sucesso com todos. E tipo uma lasanha grega”, explicou.

Molho de carne moida (Kima)
Ingredientes
1 kg de carne moida (passar apenas uma vez no moedor)
100 ml de azeite de oliva
100 ml de vinho branco
150 ml de agua
400 gr de polpa de tomate
1 colher de cha de acucar cristalino
2 cebolas medias em cubos
1 dente de alho picado
1 canela em pau
3 cravos-da-india
Sal e pimenta do reino a gosto

Modo de preparo
Em uma panela, aqueca o azeite, refogue a cebola e o alho. Deixe ate dourar. Acrescente a carne moida e o sal. Refogue ate perder o tom rosado. Despeje o vinho e deixe evaporar completamente. Adicione o molho de tomate, o acucar, a canela e os cravos. E importante refogar bem toda essa juncao de ingredientes. Acrescente a agua. Cozinhe em fogo baixo por aproximadamente 30 minutos.

Obs: E bom deixar um pouco de molho para dar mais gosto ao macarrao na hora da montagem do pastitsio. Quando a carne estiver cozida, retire a canela e os cravos. Ha quem prefira substituir os cravos por uma folha de louro. E opcional.

Creme bechamel
Ingredientes
1 ¼ l de leite gelado
30 ml de agua
500 gr de queijo parmegiano ralado
2 colheres de sopa de manteiga
8 colheres de sopa rasas de farinha de trigo
1 noz-moscada ralada
Sal a gosto

Modo de preparo
Em um recipiente, dissolva a farinha de trigo em meio litro de leite e 30 ml de agua. Passe o molho em uma peneira para nao ficar empelotado. Em seguida, acrescente a manteiga, leite, noz-moscada e sal a gosto. Apos mistura-los, leve ao fogo baixo. Mexa bastante ate ficar cremoso. Assim que comecar a ferver, tire do fogo e acrescente 200 gr de queijo parmegiano.

Macarrao
Ingredientes
500 gr de macarrao penne
Sal a gosto

Modo de preparo
Em uma panela, ferva 5 litros de agua e acrescente sal. Coloque o macarrao. Deixe cozinhar ate que fique al dente (sem estar muito cozido), pois ainda vai ao forno. Tire do fogo e escorra a agua. Ressalto que e bom deixar um pouquinho de agua para utilizar na hora de levar ao refratario. Outra opcao e escorrer toda a agua e colocar uma colher de manteiga no macarrao.

Montagem
Em um refratario, coloque uma camada de macarrao. Depois, despeje um pouco de bechamel. Preencha outra camada com o molho de carne moida. Em seguida, com macarrao. Polvilhe queijo e cubra com o restante do molho bechamel. Salpique queijo e leve ao forno pre-aquecido em temperatura de 180°C. Vai gratinar por aproximadamente 35-40 minutos.

Nao resta duvida do quanto e delicioso saborear um pastitsio quente. Mas para ficar com uma estetica melhor na hora de servir, e recomendavel deixar esfriar por 30 minutos.

καλή όρεξη

|Holanda – Hutspot

Natasha tem 25 anos, e de Brasilia, mas vive ha 3 anos em Amsterdam. “Eu resolvi seguir meu coracao e me mudar definitivamente para a Holanda para viver com o meu namorado holandes”, disse. Apaixonada por viagens, Natasha criou um Instagram onde compartilha suas experiencias pelo mundo, o @onewayvoyage. “Morar fora e uma montanha-russa de emocoes! Muitos desafios, dificuldades mas tambem momentos incriveis e um aprendizado sem igual”, destacou.

Ela aproveitou para nos ensinar a fazer uma receita da sogra, o hutspot, um prato tipico holandes que e normalmente servido nas estacoes mais frias do ano, outono e inverno. “O prato se assemelha um pouco ao nosso famoso pure de batata, porem e mais consistente”, explicou. Natasha disse que e costume servir o hutspot tanto com almondegas, quanto com uma salsicha tipica chamada Rookworst.

Ingredientes
1 kg de batata
500 gr de cenoura
250 gr de cebola
1 colher de sopa de manteiga
100 ml de leite
Queijo gouda
1 caldo de galinha (opcional)

Modo de preparo
Descasque e corte a batata, a cebola e a cenoura. Coloque a batata e a cenoura para cozinhar na agua (opcional adicionar 1 tablete de caldo de galinha). Enquanto a agua ferve, frite a cebola em uma panela ate que ela fique douradinha e depois reserve. Quando os legumes estiverem no ponto, escorra toda a agua e adicione a cebola. Com um amassador de batata, amasse todos os legumes e adicione 1 colher de sopa de manteiga e os 100 ml de leite (quente). A receita original nao leva queijo, mas nada melhor do que adicionar um pouco de queijo holandes para dar ainda mais o sabor! Coloque o queijo a gosto.

Eet smakelijk!

|Holanda – Stamppot

A Thais Sabino e jornalista e vive fora do Brasil ha muitos anos. Ela chegou a morar na Australia por um ano e meio e atualmente ela mora na Holanda, e casada e esta a espera do primeiro bebe. Thais trabalha como “jornalista itinerante“, nome do seu site onde compartilha suas andancas pelo mundo.

Ela nos ensinou a fazer um prato tipico da Holanda, que e consumido principalmente durante o inverno, o stamppot.

Ingredientes
1 kg batata
600 gr cenoura
400 gr cebola
75 gr manteiga sem sa
400 gr carne moida ou linguica ou bacon
100 ml leite
Noz moscada
Sal e pimenta

Modo de preparo Cozinhe a batata e a cebola. Refogue a carne moida com manteiga, cebola, noz moscada, sal e pimenta. Amasse a batata e cenoura. Junte a carne moida a batata e cenoura. Adicione o leite e esperar ferver. Pode acrescentar ervas frescas ao servir.

Eet smakelijk!

Ingredientes
Massa
500 gr de farinha de trigo
1 ovo
200 ml de leite
5 colheres de sopa de acucar
2 colheres de sopa de creme de leite
25 gr de levedura
1 colher de sopa de manteiga/margarina
1 pitada de sal
10 gr de fermento em po

Recheio
50 gr de manteiga derretida
4 colheres de sopa de acucar
Essencia de baunilha
4 colheres de sopa de cacau sem acucar

Modo de preparo
Misturar bem a levedura (picadinha) com o leite morno, 5 colheres de sopa de acucar e uma pitada de sal. Misturar os outros ingredientes da massa. Quando pronto, adicionar a mistura da levedura. Se a massa tiver grudenta, acrescente mais farinha.

Abra a massa com um rolo, passe a manteiga derretida e espalhe a mistura do recheio (acucar, baunilha e cacau). Enrole a massa com o recheio e, em seguida, corte em fatias para separar a combinacao em varios caracois.

Pre-aqueca o forno a 200 graus C e deixe os rolinhos assarem por 12 minutos.

|India – Rajma (feijao vermelho
Rajma, India (Foto: Leticia Sales)

Leticia Sales e estilista e foi para a India ha 7 anos para fazer um intercambio de trabalho, mas acabou ficando. Ela e noiva de um indiano e juntos abriram uma marca de moda sustentavel e com impacto social chamada Happee. “Vendemos no Brasil e na India pelo nosso site. Nossas roupas e acessorios levam estampas e bordados feitos por artesaos locais e, a cada venda feita, doamos um absorvente menstrual lavavel e reutilizavel a uma mulher carente indiana”, explicou. Leticia tambem usa o Instagram @leticia.na.india para compartilhar dicas sobre o pais e desmistificar a imagem que as pessoas tem da India. “Quero inspirar mais gente a vir para ca e ter a experiencia mais transformadora da vida, assim como foi a minha”, finalizou.

Ela nos ensinou a fazer a versao indiana do prato queridinho dos brasileiros, o feijao com arroz. Apesar de nao ser um prato do dia a dia, tambem e bastante famoso na India, mas preparado com o feijao vermelho e, claro, muita pimenta e especiarias.

Ingredientes
400 gr de feijao vermelho
3 cebolas roxas
5 tomates
Oleo
1/2 colher de sobremesa de cominho em sementes
Pimenta chili em po a gosto
Sal a gosto

Modo de preparo
Deixe o feijao vermelho de molho na noite anterior. Pique e bata em um liquidificador ou mixer 3 cebolas roxas ate formar uma pasta. Pique em pedacos grandes e bata no liquidificador 5 tomates italianos. Cozinhe o feijao na panela de pressao apenas com agua (nao colocar agua em excesso). Em outra panela, adicione oleo. Acrescente meia colher de sobremesa de cominho em sementes e frite por alguns segundos. Acrescente a pasta de cebola e frite ate dourar em fogo baixo.

Adicione pimenta chilli em po a gosto, uma colher de sobremesa de coentro em po e sal a gosto. Sugiro que acrescente a pimenta em po aos poucos e experimente para nao correr o risco de ficar apimentado demais. Mexa por alguns minutos. A mistura se tornara uma pasta vermelha, e ficara mais escura a medida que os tomates cozinharem. Adicione a pasta na panela com os feijoes e acrescente um pouco de agua. Deixe engrossar em fogo alto por alguns minutos. Sirva com arroz.

|Inglaterra – British Baked Beans
British Baked Beans (Foto: Isac dos Santos)

Isac dos Santos vive em Londres, na Inglaterra, ha 6 anos. O motivo? Amor! “Eu vim porque meu marido morava aqui e estavamos namorando a distancia ha quatro anos”, explicou. Atualmente ele e chef e nutritional advisor e normalmente cria receitas saudaveis para os lugares que trabalha. “Nunca tinha trabalhado com comida no Brasil, mas minha mae e cozinheira, entao eu tinha uma nocao”, contou. La em Londres ele fez um curso tecnico em nutricao para aprender melhor sobre como balancear um prato e hoje trabalha criando ou readequando menu. Ele compartilha algumas dicas de pratos la no Instagram @meninoqueri.

Isac nos ensinou a fazer um dos pratos tradicionais e saborosos da regiao, mas, segundo ele, um dos mais mal compreendidos, o baked beans. “Infelizmente o pos-guerra tornou o enlatado tao popular que muitos nativos pouco conhecem a receita original. Eu tive a sorte de aprender com chef do interior da Inglaterra”, contou.

Ingredientes
400 gr feijao branco
3 colheres de sopa de oleo de girassol
1 cenoura ralada
1 talo de salsao picado
1 cebola media picada
1 pimentao vermelho picado
2 dentes de alho amassados
400 gr polpa de tomate
2 colheres de sopa de vinagre de maca
1 colher de sopa de acucar mascavo
1 colher de cha de paprica picante
Sal e pimenta a gosto

Modo de preparo
Deixe o feijao de molho por 8 horas. Escorra, lave o feijao e coloque na panela de pressao. Tampe a panela e leve ao fogo alto ate a panela comecar a chiar. Marque 15 minutos com o fogo baixo. Enquanto o feijao cozinha, refogue a cenoura, cebola, alho, pimentao e salsao no oleo ate dourar bem. Acrescente a paprica, acucar e vinagre, misture bem junte a polpa de tomate. Cozinhe em fogo baixo por 10 minutos. Quando o feijao estiver cozido, acrescente no molho.

Aqui voce usa o sal e pimenta a gosto. Misture bem e acrescente 1 copo de agua. Cozinhe (sem pressao) por 15 minutos para equilibrar os sabores.

|Inglaterra – Cream Tea (cha com creme)
Cream Tea, Inglaterra (Foto: Lizani Bessel)

Lizani mora na Inglaterra ha mais de 10 anos e e craque na cozinha. Ela adorou quando foi convidada para nos ensinar uma receita e sugeriu o Cream Tea. “Ele pode ser oferecido em restaurantes ou hoteis, mas nada substitui no inverno sentar-se no interior do acolhedor ambiente de uma casa de cha (tea room), e deliciar-se com os aromas dos recem-assados scones e do cha”, disse.

O termo cream tea faz parte da culinaria tradicional da Inglaterra, especialmente nos Estados de Devon e Cornualia, em uma tradicao que surgiu no inicio do seculo XIII. E uma combinacao de cha ingles, tradicionalmente misturado ao leite, e scones, especie de minibolo servido com clothed cream, creme de leite ou nata, e geleia de morango. O scone e cortado ao meio e, se voce esta no Estado de Devon, cada metade e coberta primeiramente com a nata e, sobre ela, a geleia. Se voce esta na Cornualia, a geleia vai primeiro e sobre ela, a nata. O cha e servido geralmente em mugs (copos de ceramica), mas nas casas de cha mais tradicionais, ainda e servido em jogos de porcelana decorados. A maioria da populacao prefere o cha com leite. De acordo com a tradicao, o leite e posto primeiro na xicara e, depois, o cha. Nunca o contrario.

Ingredientes
350 gr de farinha com fermento (ou use farinha comum misturada a uma colher de sopa de fermento em po) ¼ de colher de cha de sal 1 colher de cha de fermento em po (se estiver usando farinha com fermento) 85 gramas de manteiga sem sal de boa qualidade (nao use margarina) 3 colheres de sopa de acucar 175 ml de leite ao qual se acrescenta uma colher de suco de limao para formar buttermilk 1 colher de cha de baunilha 1 ovo batido para espalhar sobre os scones antes de assar Geleia de morango e nata ou creme de leite batido para servir com os scones

Modo de preparo Aqueca o forno em 220 graus celsius. Em uma vasilha grande, misture a farinha, o sal e o fermento. Acrescente a manteiga gelada, cortada em cubos pequenos, e misture ate obter uma farofa. Acrescente o acucar e misture com as maos. Se preferir, neste momento pode acrescentar uvas passas. Fica muito bom!

Faca um buraco no centro da farofa e misture o leite com limao. Misture com as maos ate obter uma massa homogenea. Nao sove. Sobre uma superficie enfarinhada, abra a massa com as maos numa altura de mais ou menos 4 cm. Com um copo de abertura de uns 5 cm corte os bolinhos e organize-os numa forma rasa untada e enfarinhada. Espalhe sobre os scones ovo batido. Asse por 10 minutos (o tempo varia conforme o tipo de forno).

Para servir Corte cada scone ao meio e cubra cada metade com nata e sobre ela a geleia de morango. Sirva com cha de sua preferencia (se nao tiver o tradicional cha ingles) ou cafe.

|Israel – Shashuka
Shashuka, Israel (Foto: Monica Asif)

Monica Asif se mudou para Israel pela primeira vez em 1999, quando conheceu um israelense durante um curso de ingles na Inglaterra. Devido ao fato dela ser judia e Israel ser um pais de maioria Judaica e que incentiva a imigracao seria, mais facil fixar residencia em Israel. Nesse periodo ela se formou em Comunicacao e Geografia na Universidade de Haifa e morou em um kibbutz. Ja casada, ela e o marido foram para o Brasil e moraram um tempo no Rio de Janeiro, ate voltarem juntos para Israel em 2010. Desde entao eles moram perto de Tel Aviv com os dois filhos. Monica, que tambem trabalhou 12 anos com turismo receptivo no Brasil e em Israel, criou o Minh’alma Viajante (@minhalmaviajante no Instagram) em 2019, com dicas, roteiros e fotografia. “Minhas amigas e meus clientes sempre me falaram que eu deveria criar um blog e que minhas dicas de lugares em Israel eram especiais”, disse.

Monica nos ensinou a fazer um prato muito popular em Israel e que tem um nome bem diferente, Shakshuka. “O shakshuka e facil de fazer, os ingredientes podem ser encontrados em qualquer pais e pode ser servido como cafe da manha, brunch, almoco ou ate no jantar”, detalhou.

Ingredientes
4 ovos
1 lata de tomate pelati
1 cebola
1 pimentao Vermelho
Cebolinha verde e queijo feta (para finalizar)
Sal, pimenta do reino e cominho a gosto

Modo de preparo
Corte a cebola e o pimentao em quadradinhos. Em uma frigideira media, doure a cebola no azeite, acrescente o pimentao e deixe ate ficar molinho. Acrescentar um pouco de sal, o molho de tomate e a pimenta do reino. Misture e deixe cozinhando com a frigideira aberta ate o molho reduzir e engrossar um pouco. Com uma colher abra um espacinho no molho e coloque os ovos um a um. Salpique um pouco de sal em cada ovo. Deixe cozinhar por 5 minutos com a frigideira aberta, tampe a panela e deixe mais 3 minutos. A clara tem que ficar cozida e a gema um pouco mole. Desligue o fogo, salpique cebolinha verde e queijo feta (ou algum queijo branco salgado). Sirva na frigideira mesmo com um bom pao para acompanhar.

|Ira – Kuku
Kuku, Iran (Foto: Valeria Soares)

Valeria Soares tem 51 anos, e carioca, fisioterapeuta, mas atualmente mora em Vancouver, no Canada.  “Eu era solteira, bem resolvida, amo viajar. Vim para ca como estudante internacional e fiquei”, disse. Valeria conheceu Tony, um iraniano, em 2015 e os dois se casaram. Por isso a sugestao de receita do Ira. “Ele mora aqui ha 26 anos. Morou na Turquia e na Suecia, e engenheiro, divorciado e tem dois filhos adultos”, acrescentou. Valeria atualmente trabalha em um SPA e estuda ingles em uma escola publica. No tempo livre, adora cozinhar.

O casal nos ensinou a fazer o Kuku. O prato e semelhante a fritada italiana, quiche francesa ou omelete espanhola, mas tem como principal ingrediente, alem do ovo, a verdura – por isso sua cor. Geralmente e servido acompanhado de pao e iogurte ou salada. O Kuku e servido tradicionalmente no Nowruz, ano novo iraniano e tambem na Pascoa.

Ingredientes
1 ramo de espinafre
1 ramo alho-poro
1 ramo de salsinha
2 ramos de coentro
1 ramo de entro
Meia xicara de nozes (quebrar com as maos, nao triturar)
Sal a gosto
Pimenta preta a gosto
1 colher de sopa de acafrao
4 ovos
Berberis a gosto (deixa um pouquinho azedinho, pode tirar se nao gostar)

Mode de preparo
Lavar os vegetais e pica-los. Coloque todos os vegetais em um recipiente e adicione os ovos e os temperos. Misture bem. Adicione o acafrao, as nozes e barberis. Misture ate virar uma massa homogenea. Coloque bastante azeite em uma frigideira e coloque a massa para fritar como um omelete, em fogo baixo.

|Irlanda – Irish Stew (cozido irlandes)

Bruno Bortolotti vive ha 8 anos na Irlanda. Ele foi com a namorada para estudar ingles e os dois acabaram ficando. Na epoca, a Irlanda era o unico pais na Europa onde era possivel estudar e trabalhar. Bruno e chef de cozinha e atualmente tambem compartilha suas receitas no Instagram, @whattoeat__ e no canal do Youtube, What to eat?. Como ele mesmo diz, “cozinho para viajar, viajo para comer, como viajando e viajo comendo”.

Ele nos ensinou a fazer o Irish Stew (cozido irlandes), um dos pratos nacionais da Irlanda. O guisado e considerado um prato substancial e saboroso, preparado com ingredientes da epoca. E muito conhecido internacionalmente e figura no guia de cozinha de Auguste Escoffier.

Bruno tambem tem a receita em video no seu canal do Youtube:

Ingredientes
250 gr de carne de cordeiro
250 gr de carne de carne bovina cortadas em cubos grandes
Esse blend/mix de carnes nao e obrigatorio, mas corta um pouco do sabor forte e pronunciado do cordeiro.
200 gramas de batata bolinha cortadas ao meio
2 cebolas cortadas em cubos grandes
3 cenouras cortadas em rodelas
1 pedaco de salsao
1 talo de alho-poro
1 colher de sopa de farinha de trigo
Alho, sal, pimenta do reino, louro, alecrim e tomilho a gosto
500 ml de cerveja tipo Stout ou Ale
500 ml de caldo de carne

Modo de preparo
Em um bowl tempere as carnes com sal, pimenta do reino e parte da farinha de trigo. Em uma panela quente e com um fio de oleo/azeite comece a refogar a carne, faca isso em duas ou mais etapas afim de dar cor as carnes. Separe as carnes ja pre-cozidas em um bowl e depois de refogar toda a carne. Deglace o fundo da panela com uma parte da cerveja. Na mesma panela em que dourou as carnes refogue as cebolas e os demais ingrediente, salsao, alho-poro e alho.

Volte as carnes para a panela incorpore bem com os outros ingredientes. Complete com o resto da cerveja, o caldo e as batatas. Junte o louro e um ou dois raminhos de alecrim e tomilho de acordo com seu gosto. Tampe a panela e em fogo medio cozinhe por uma hora mais ou menos ou ate que as carnes estiverem macias. Adicione as cenouras e cozinhe por 20 minutos ou ate que as cenouras fiquem macias. Sirva acompanhado de pure de batata ou pao (tradicional aqui na Irlanda) e um pint de Beamish (Stout aqui de Cork).

Goile maith!

|Irlanda – Soda Bread

Danielly Ribeiro e de Teresina, no Piaui, e mora ha 3 anos em Limerick, na Irlanda. Ela mudou para o pais, a principio, para fazer um intercambio, mas acabou ficando depois que conheceu seu namorado, atual marido. “Ele e a familia sao aqui de Limerick… Ai casamos”, disse.

Ela nos ensinou a fazer soda bread, um pao criado em 1830. “E uma receita bem antiga e em toda casa de irlandes eles fazem. E bem tradicional e algo que que passa de geracao em geracao”, finalizou. Nessa receita, o bicarbonato de sodio e usado como agente de fermentacao.

Ingredientes
250 gr de farinha de trigo
250 gr de farinha de trigo integral
100 gr de aveia
1 colher pequena de sal
1 colher pequena de bicabornato de sodio
500 ml de leite (esquentar o leite por 1minuto no micro-ondas)

Modo de preparo
Misture todos os ingredientes secos primeiro e depois acrescente o leite. Misture a massa com as maos ate ficar firme. Faca uma ‘bola’ e deixe descansar por 30 minutos. Pre-aqueca o forno por 30 minutos a 200°C. Coloque a massa em uma forma untada apenas com trigo. Asse por 30 ou 35 minutos. Depois que o pao assar envolva-o ele em um pano de prato ate ele esfriar.

Goile maith!

|Italia – Pizzoccheri

Thais Ruzzon e italo-brasileira e se mudou para Valtellina ha um ano. A principal razao para a mudanca foi reconhecer a cidadania italiana, mas se encantou e decidiu ficar por la (eu faria o mesmo!). Ela e arquiteta e atualmente trabalha como garconete. Ela compartilha um pouco da vida italiana e alguma receitinhas no Instagram, @thaisruzzon.it.

Thais preparou o pizzoccheri, uma massa tipica da Lombardia, no norte da Italia. Ela e feita basicamente de farinha de trigo e farinha negra (por isso o aspecto um pouco mais escuro), mas voce pode substituir por alguma outra massa. “E um prato pesado, mas para o frio da Valtellina ajuda bastante a manter as calorias”, explicou.

Ingredientes
250 gr de pizzoccheri
4 batatas
Meio repolho
1 dente de alho
250 gr de manteiga
3 folhas de salvia
Sal a gosto
Parmesao ralado
Queijo pizzocherino ou similar

Modo de preparo
Coloque a panela com agua no fogo e salgue-a. Despeje as batatas previamente descascadas e cortadas na panela (quanto menores forem, mais rapido elas cozinham). Enquanto espera a agua ferver, pegue outra panela e derreta a manteiga, acrescente o alho e as folhas de salvia. Tome cuidado para elas nao queimarem.

Quando a agua ferver, despeje o pizzoccheri. Se voce gosta de repolho macio, insira na agua. Caso contrario, aguarde 10 minutos do final do cozimento. No fim do tempo do cozimento, despeje o pizzoccheri em pequenas porcoes de cada vez em uma saladeira ou outro recipiente. Em seguida, coloque o queijo previamente cortado em cubos pequenos e o parmesao ralado. Como toque final, despeje a manteiga quente sobre o pizzoccheri e misture. Coloque uma pitada de pimenta do reino e misture de novo. A agua do cozimento e muito importante pois ajuda o queijo a derreter!

Buon appetito!

|Japao – あさりの味噌汁 (sopa de misoshiru com ameijoas)

Diretamente do Japao, Giselle Quarterone Ishii, de 33 anos, deixou o Brasil ha 3 anos e 2 meses. “Alem de ser meu sonho morar aqui, eu e meu marido tinhamos uma empresa ja no Brasil e viemos para ca para expandir”, disse. Giselle e dona da www.lojadojapao.com, @lojadojapao no Instagram (me segura!), e envia produtos japoneses principalmente para o Brasil. Seu marido e sansei e ja tinha morado no Japao por 8 anos. Foi em Tokyo, inclusive, que os dois se conheceram, em 2011. Os dois sao pais do Ian, de 5 anos.

“Nao costumo ter tanta disponibilidade, pois minha rotina e super corrida. Mas a quarentena me deu um tempo maior para deixar em dia algumas pendencias, como estudar a lingua, cuidar da familia e me arriscar na cozinha”. Por isso ela nos ensinou a fazer uma sopa de misoshiru com ameijoas.

Ingredientes
1 colher e meia de pasta de miso*
Dashi a gosto (caldo de peixe em po)
250 gr de Asari frescas (ameijoas)
400 ml de agua
Cebolinha picada a gosto
Meu toque pessoal: gengibre e alho!

*condimento no formato de pasta, produzido a partir da fermentacao de soja e as vezes outros ingredientes (como algas, arroz, etc).

Modo de preparo
Lave as conchas em agua corrente com uma escovinha. Para retirar a areia de dentro, separe-as em uma vasilha grande, cubra com agua fria e uma colher de sopa de sal. Deixe-as de molho por cerca de 3 horas, de preferencia na geladeira. Devem ser enxaguadas depois, 2 a 3 vezes em agua fria.

Em uma panela no fogo, coloque os 400 ml de agua e as ameijoas e o dashi. Ferva ate que as conchas abram por completo e desligue (cerca de 3 a 5 minutos). Adicione a cebolinha picada e dissolva a pasta de misso com a ajuda de uma concha.

|Malta – Coelho Frito Maltes e Batatas Maltesas

Thais Sampaio tem 29 anos deixou o Brasil ha 6. Viveu 3 anos na Irlanda e esta ha 3 em Malta. “Eu me mudei porque queria ter uma experiencia internacional na minha area e acabei ficando”, disse. Ela e chef de cozinha ha 8 anos e atualmente e head chef em um restaurante italiano em Malta. Thais tambem compartilha suas receitas no @_freakforfood no Instagram e fez sua estreia no canal Freakforfood do Youtube com a receita que compartilhou com a gente.

Ela preparou coelho e batata maltesa. Segundo Thais, a combinacao e bastante comum na casa daqueles que vivem em Malta.

Ingredientes 2 batatas grandes fatiadas
1 cebola picada
1 cebola grande fatiada
2 dentes de alho picados
1 kg de coxa e sobrecoxa de coelho
Sal a gosto
Pimenta a gosto
Vinagre de vinho tinto a gosto
Tempero de coelho (com cebola, alho e semente de erva-doce – opcional)
Semente de erva-doce
4 folhas de louro
30 ml de vinho tinto
30 ml de vinho branco
Um tablete de caldo de galinha

Modo de preparo
Em um recipiente, tempere o coelho com sal, pimenta, vinagre e o tempero de coelho. Misture bem com as maos. Reserve.

Em outra travessa, coloque a cebola fatiada no fundo, depois faca uma camada de batata. Acrescente um pouco de semente de erva-doce, pimenta e sal. Em seguida, coloque agua ate cobrir as batatas e cubra a travessa com papel aluminio. Leve ao forno pre-aquecido a 180°C e deixe por 20 minutos. Depois, mais 10 minutos sem o papel aluminio.

Volte para o coelho. Aqueca uma panela no fogo com um fio de azeite e coloque o coelho ate dourar. Tire da panela e reserve. Na mesma panela, coloque o alho e a cebola para fritar, aproveitando um pouco da gordura que ficou do coelho. Em seguida, volte o coelho para a panela com o alho e a cebola. Acrescente o louro e mexa bem. Acrescente o caldo de galinha e espere dissolver. Deixe no fogo baixo por 15 minutos. Coloque em uma assadeira, cubra com papel aluminio e deixe no forno a 180°C por mais 20 minutos. Sirva quente.

Aptit tajjeb!

|Malta – Timpana

Larissa Frias mora em um lugar onde provavelmente muita gente sonharia em passar as ferias, Malta! Ela e o marido moravam em Sao Paulo, mas mudaram para la depois de uma proposta de trabalho.

Ela nos ensinou a fazer um tradicional prato maltes, vendido em praticamente todas as pastizzerias espalhadas pelo pais. “As pessoas comem ele tanto como um salgado, no meio do dia, como um prato principal, em uma refeicao”, explicou. O prato e basicamente uma torta de macarrao. “Pode soar um pouco estranho a principio, mas e certamente uma delicia, uma boa surpresa!”, finalizou.

Ingredientes
500g de massa folhada (folhas congeladas)
500g de penne (macarrao)
300g de carne moida de boi
300g de carne moida de porco
300g de figado de galinha em cubos (opcional)
300g de bacon picado
500g de cebola em cubos finos
4 dentes de alho amassados
150g de queijo parmesao ralado
150g de qualquer outro queijo de seu gosto, ralado
7 ovos batidos
200g de pasta de tomate
200g de pure de tomate
500ml de caldo de frango ou carne
Manteiga para untar a forma
Sal e pimento a gosto

Molho para cobrir a torta
100 ml de leite
1 ovo

Modo de preparo
Pre-aqueca o forno a 180°C. Frite a cebola e o alho no azeite por 5 minutos, depois adicione o bacon e a carne moida de porco, mexendo bem. Adicione a carne moida de boi e continue mexendo, cozinhando por mais 10 minutos. Se voce quiser experimentar a receita tradicional, adicione o figado e cozinhe por mais 5 minutos. Agora, despeje o caldo de frango ou carne, misture bem e deixe ferver. Cozinhe por mais 20 minutos, ate secar um pouco do caldo. Adicione a pasta de tomate e o pure de tomate. Enquanto o molho estiver cozinhando, cozinhe o macarrao com agua fervente com sal, retirando um pouco antes de chegar no ponto al dente. Escorra o macarrao e misture com o molho bolonhesa, acrescentando parmesao e queijo do seu gosto. Adicione os ovos batidos para dar consistencia a mistura.

Forre uma assadeira (retangular ou cilindrica) untada (manteiga) com a massa folhada, coloque a massa tambem nas laterais. Preencha com o macarrao ao molho bolonhesa e cubra a parte superior com outra camada de massa folhada. Faca alguns cortes na massa folhada, que foi colocada para cobrir a torta, para que o vapor possa escapar. Pincele torta com a mistura, feita de leite e ovo. Asse no forno por 1 a 1 hora e meia (dependendo da potencia do forno) e aproveite!

Aptit tajjeb!

|Mexico – Pastel Tres Leches

Viajar sempre foi uma paixao para Camila Borja, que atualmente vive no Canada. “Em 2014 me mudei de Belo Horizonte para Vancouver, no Canada. Foi aqui onde, 2 anos depois, conheci meu atual marido, um Mexicano que, assim como eu, estava ‘perdido’ no mundo”, disse. Camila disse que recentemente os dois tem aproveitado muito o tempo para cozinharem juntos. “Nunca fui ao Mexico, mas me sinto mexicana de coracao e ja ando me dando muito bem com a culinaria tipica”, completou. Ela compartilha suas andancas pelo mundo no Instagram @camila.borja e textos incriveis no site www.camilaborja.com.

Por isso, ela compartilhou uma receita deliciosa de Pastel Tres Leches (pastel em espanhol e bolo). “E a que eu mais amo fazer e, embora a primeira vista nao pareca, e muito facil”, finalizou.

Ingredientes
Para o bolo
4 ovos
200 gr de acucar
140 gr de farinha de trigo
1 colherinha de essencia de baunilha
1 pitada de sal

Para o “caldo”
1 lata 397 ml de leite condensado
1 lata 355 ml de creme de leite
250 ml de leite

Para o merengue 4 claras de ovo
200 gr de acucar
1 pitada de sal
Suco de 1/2 limao espremido
Para decorar (voce pode escolher)
Canela em po
Frutas em calda: pessego, cereja, manga…
Chocolate

Modo de preparo
Bolo

Pre-aqueca o forno a 180°C. Separe as claras das gemas dos 4 ovos. Em um bowl grande, bata as 4 claras ate que estejam espumosas. Junta o acucar e continue batendo ate que de uma mistura brilhante. Agora, com a batedeira em velocidade baixa, junte as gemas, o sal e a essencia de baunilha. Junte a farinha de trigo e com uma espatula, mistura a massa ate que tudo esteja bem incorporado. Despeja a mistura numa forma 20x20cm untada e coloca no forno 180 graus por 20-25 minutos (30-35 minutos se for 350F) ou ate que o palito saia seco. Despeje a mistura em uma forma 20x20cm untada e coloque no forno 180°C por 20-25 minutos ou ate que o palito saia seco.

“Caldo” de Tres Leches
Em outro recipiente, junte o leite condensado, o creme de leite e o leite e misture ate obter uma textura homogenea.

Quando o bolo estiver pronto, utilize um palito ou garfo e faca buracos em toda a superficie do bolo. Jogue a mistura do “caldo” Tres Leches sobre todo o bolo, lembrando dos cantinhos. E para encharcar mesmo. Coloque o bolo na geladeira enquanto faz o merengue.

Merengue
Coloque uma panela em banho-maria. Quando a agua estiver fervendo, coloque o fogo baixo. Em um bowl (que possa ir em banho maria e usar para bater), coloque as claras dos 4 ovos, o acucar, a pitada de sal e o suco do 1/2 limao. Com um garfo ou batedor manual, bata suavemente essa mistura durante 8 a 10 minutos. E importante nao deixar de bater para que as claras nao cozinhem. Apos 8 ou 10 minutos, tire do fogo e bata com batedeira em velocidade alta durante 5 minutos, ou ate que o merengue forme picos. Voce vai sentir a massa ficando mais pesada e densa gradualmente.

Uma dica para estabilizar o merengue e colocar 1 ou 2 colherinhas de acucar pulverizando quando comecar a obter a textura de merengue. Nesse momento voce tambem pode adicionar essencia de baunilha ou qualquer outra essencia que queira. O Pastel Tres Leches e ideal para comer frio depois de ao menos 12 horas na geladeira.

Buen provecho!

|Nova Zelandia – Kiwi Dip

Elaine Schmoeckel tem 28 anos, e coordenadora de projetos em uma empresa de Tecnologia e mudou para a Nova Zelandia ha 6 meses para ter uma experiencia internacional na carreira. “Adoro cozinhar e aproveito o tempo disponivel longe da familia e amigos para testar novas receitas”, disse.

“Mas a vida corrida que requer praticidade nas refeicoes”, acrescentou. Por isso, Elaine nos ensinou a fazer algo unico do pais tambem, conhecido como o glorioso “mergulho de Kiwi”. O molho e simples de fazer, porem delicioso e esta na mesa de todo bom neozelandes ou “Kiwi”. “Para voce ver como isso e famoso aqui, a receita esta em ambas as embalagens que usei, tanto da sopa de cebola quanto do creme de leite”, destacou.

Ingredientes
1 pacote de creme de cebola
1 lata de creme de leite
1 colher de suco de limao ou vinagre

Modo de preparo
Mistura todos os ingredientes em um recipiente e deixa na geladeira por 30 minutos. Dessa forma, os pedacinhos de cebola absorverem o liquido do creme e ficam crocantes. Coma com torradinhas e, se quiser incrementar, pedacos de queijo.

Pai te kai!

|Panama – Hojaldra Panamena (pao frito)

Larissa Loureiro tem 31 anos e mora no Panama ha 5 anos. Sua historia com o pais comecou “por amor”. Ela conheceu Luis, um panamenho, durante a faculdade em Chicago. Os dois se casaram no Brasil e logo se mudaram para a Cidade do Panama, capital do pais. Eles trabalham com hotelaria e tem duas filhas, Lis e Luisa (que sao as coisinhas mais fofas que ja vi).

Ao lado das filhas, Larissa preparou Hojaldra Panamena, uma especie de pao frito. A receita foi introduzida no Panama com a farinha, trazida pelos espanhois, que a receberam dos mouros. Como tudo que e levado ao oleo fica ainda mais saboroso, esse pao frito se tornou um dos mais populares do Panama.

Ingredientes
50 ml de agua
50 ml de leite
50 ml de oleo
1 colher de sopa de acucar
1 colher de cha de sal
1 colher de sopa fermento em po
1 ovo
200 gr de farinha de trigo

Modo de preparo Misture todos os ingredientes, deixando a agua e o leite por ultimo, pouco a pouco. Amasse a mistura como pao em uma mesa por aproximadamente 5 minutos. Depois que a massa estiver amassada, deixe-a repousando durante 1 hora coberta com um pano. Corte pedacinhos da massa e estique em circulos bem finos. Frite em oleo quente.

Buen provecho!

|Paquistao – Biryani

Shakila Ahmad e do Rio de Janeiro, e filha de paquistanes e ha 4 meses vive na cidade de Lahore, no Paquistao. No Instagram @shakilaahmad, ela mostra a cultura com o objetivo de quebrar com os estereotipos do pais. “Posto informativos para deixar o seu dia mais alegre e mais feliz mostrando que o Paquistao é mais incrível do que você imagina. Aqui falo sobre a cultura local e a vida real de uma estrangeira nesse país que muitos julgam, mass poucos conhecem”, explicou.  Shakila tambem mostra historia, arte, moda e peculiaridades do Paquistão. “Aliás, um pouco mais… a comida, os monumentos históricos, as danças, música, religião e as tradições”, finalizou.

Ela nos ensinou a fazer um dos seus pratos favoritos e um dos mais famosos no subcontinente indiano. O biryani e um prato de arroz misto preparado com especiarias do sul da Asia, e pode ser feito com frango ou cordeiro. “E uma mistura incrivel de sabores, uma delicia indescritivel”, disse Shakila.

Ingredientes 1 kg de frango (ou 12 pecas)
1 kg de arroz basmati
Cebola
2 colheres de pasta de alho com gengibre
2 xicaras de iogurte
1 colher de cha de cominho branco
1 colher de cha de cominho preto
2 folhas de louro
Pimenta preta
6 cravos
Folha de hortela
Sal a gosto

Modo de preparo Cozinhe o frango e acrescente os temperos a gosto. Deixe dourar por 10 minutos. Adicione agua ae cobrir as pecas de frango. Coloque o arroz de molho por 30 minutos e, em seguida, adicione o arroz na panela com o frango. Misture e deixe cozinhar. Sirva quente.

|Peru – Pulpo al Olivo

Diego preparou um prato criado en 1987 por Rosita Yimura, uma peruana nascida em Callao, filha de pais japoneses. Ela recebeu o pedido de um cliente e, atraves da investigacao, criou o molho a base azeitonas e maionese, que nao era o mesmo que o cliente tinha pedido, mas sim um muito melhor.

Ingredientes

2 kg de polvo cozido

225 gr de maionese

350 gr de azeitonas negras sem caroco

3 colheres de azeite de oliva

Salsinha a gosto para decorar

225 g de sal

Cozimento do polvo

Lave bem o polvo para tirar todo a mucosidade. Coloque uma panela com 5 litros de agua para esquentar. Quando a agua estiver quente (mas nao fervendo) , coloque o polvo e retire rapidamente. Repita esse processo mais duas vezes. Esse processo serve para que o polvo nao encolha durante a cozimento. Devolva o polvo para a panela e cozinhe por 45 minutos ate que esteja macio.

Lave bem as azeitonas e amasse ate obter uma pasta. Pouco a pouco incorpore a maionese e acrescente 1 colher de azeite de oliva ate obter uma pasta nao muito espessa e nem muito liquida.

Montagem

Corte os tentaculos do polvo e disponha em um prato. Despeje o molho sobre os tentaculos, coloque azeite de oliva e adorne com a salsinha picada.

Buen provecho!

|Russia – Mimosa

Olga Komarova tem 31 anos e e Russa, apesar de nao parecer quando voce conversa com ela: seu portugues e impecavel. Nao e por acaso, ela e guia de turismo em Moscou e recebe constantemente brasileiros. “Amo meu pais. Adoro compartilhar nossa cultura, nossa historia e estilo de vida russo com os que procuram novas experiencias incriveis e buscam conhecimentos”, disse. Acompanhe a Olga la no Instagram: @bemvindo_russia

Sua sugestao de receita foi a mimosa, uma salada russa classica preparada em camadas. Aqui temos uma receita com ingredientes que costumam usar por la, mas da para abusar da criatividade. Ela tem esse nome porque a camada de cima e feita com a gema do ovo, que tem a cor parecida com a flor mimosa. A versao tradicional leva sardinha na camada do peixe, mas algumas vezes tambem optam por salmao ou atum.

Ingredientes
300 gr de batata
200 gr de cenoura
3 ovos (ou 2 grandes)
1 lata de peixe
1 cebola pequena
Sal a gosto
Maionese

Modo de preparo
Cozinhe a batata, a cenoura e os ovos. Pique a cebola, corte ela em pedacinhos pequenos e refogue-a e coloque na agua fervente por dez minutos. Rale a batata e a cenoura. Rale ou ame (a gosto) a clara e a gema de ovos separadamente.

Coloque numa vasilha por camadas: Peixe > um pouco de maionese > a clara de ovo ralada > cenoura ralada > um pouco de maionese > cebola > batata > um pouco de maionese > a gema por cima. Salgar todas as camadas a gosto.

Xороший аппетит!

|Servia – Burek

Desde 2018 Tassiana Ghorayeb faz o que muita gente sonha em fazer: viver como nomade digital. Ela e publicitaria e atualmente percorre o mundao fazendo voluntariado e freelas. A Servia e o pais onde ela esta desde que a pandemia do coronavirus comecou, mas ela se apaixonou. “Fiquei presa aqui e amei tanto que quero continuar explorando Belgrado depois do Covid-19”, disse. “Dos 3 meses que estou aqui, 2 estou dentro de casa, que por sorte aluguei e e uma paz, tem quintal, entao, da para espairecer”, completou.

Tassiana preparou uma receita bem apetitosa. “Se a Rakija e a bebida que une os Balcas, o Burek e a comida”. O Burek e de origem turca e como o Imperio Turco-Otomano tomou conta da regiao dos Balcas por cerca de 500 anos, e possivel dizer que essa receita se tornou uma das especialidades da casa. Na Servia, o Burek e consumido pela manha, acompanhado por um (ou dois) iogurtes. A grosso modo o Burek e uma “torta” salgada, feita de massa filo e que pode ser recheada com queijo (tipo feta), carne ou vegetais. Tassiana e vegetariana e preparou o Burek de queijo. “Vale ressaltar que as versoes de cogumelo e espinafre sao maravilhosas tambem”, finalizou.

Ingredientes
Massa Filo (que normalmente esta na area de congelados)
250 gr de requeijao
60 gr de queijo feta esfarelado
190 gr de iogurte grego
2 ovos batidos
2 colheres de sopa de azeite (vai precisar de mais azeite para pincelar sobre a massa)
Sal e pimenta a gosto

Modo de preparo
Pre-aqueca o forno a 180oC. Em um recipiente coloque o requeijao, o queijo feta, o iogurte, os ovos, o azeite, o sal e a pimenta, e misture tudo muito bem. Unte uma forma redonda com oleo/azeite ou utilize papel vegetal

E agora que a magica acontece! Normalmente a massa filo vem cortada em varias folhas retangulares pequenas, por isso, voce ira colocar o recheio em cada uma dela e enrolar, criando a forma de um “tubo”.

Passo a passo
Abra uma folha da massa em uma superficie lisa e pincele azeite. Coloque outra folha de massa filo por cima e, com uma colher, espalhe o recheio. Enrole ate obter um tubo. Pressione um pouquinho para que fique bem firme. Depois, coloque a primeira tira no centro da forma, como se fosse desenhar um caracol. Repita o processo com as restantes folhas de massa filo. Por fim, pincele azeite por toda superficie do “caracol”, ja na forma. Leve ao forno durante 30/40 minutos, ou ate a massa crescer e ficar douradinha.

Depois de pronto, corte fatias como as de pizza e sirva! (Outro dia, eu inventei um recheio de burek com as coisas que tinha na geladeira e ficou surreal de gostoso – foto).

Tome nota (minha versao)
– Abobrinha cortada em fatias bem finas e refogadas com curcuma e noz moscada
– Cogumelos em fatias bem finas refogados com paprica (outro tempero bem tipico da culinaria servia)
– Inventei um molho rose com um pouquinho de molho de tomate e queijo cottage
– Ao inves de enrolar, fiz como uma lasanha, mesclando a massa, os recheios, o molho e fatias de queijo emmental.

добар апетит

|Siria – Makluba

Barbara Esber, de 26 anos, mora na Siria ha mais de dois anos. Ela e casada com um sirio e os dois moravam no Brasil, ate decidirem ir para a Siria para, segundo ela, melhorar de vida. “Tinhamos mais oportunidades aqui”, disse. Atualmente Barbara compartilha um pouco da vida por la no seu Instagram, @brazukanasiria.

Barbara nos ensinou a fazer o Makluba! O prato, que significa “virada”, tem origem na culinaria palestina e tambem e chamado de “paella arabe”. Antigamente o prato era feito com restos de carne que se acumulavam das refeicoes durante a semana e, no fim de semana, virava esse prato especial para a familia.

Ingredientes 1kg de brerinjela
1kg de peito de frango
1kg de arroz
250g de amendoas sem sal
Louro a gosto
Gengibre a gosto
Cardamomo a gosto
Canela em pau
Pimenta a gosto

Modo de preparo
Corte as berinjelas no sentido vertical com 1 centimetro de espessura. Frite-as e reserve. Corte o peito de frango em pedacos medios e cozinhe em uma panela separada. Adicione na agua, sal, louro, gengibre, cardamomo e canela em pau. Quando estiver cozido reserve o frango e a agua do cozimento. (Passe a agua do cozimento em uma peneira fina para tirar os residuos de sujeiras).

Em uma panela grande, coloque metade das berinjelas primeiro (decore como quiser), depois metade do frango cozido, metade do arroz por cima. Faca novamente o processo (camadas como a lasanha). Adicione na agua do cozimento do frango, pimenta Siria e pimenta preta. Acerte o sal da agua e acrescente por cima do arroz. Cozinhe em fogo medio por 30 minutos. Muita atencao, pois quando estiver acabando a agua voce deve desligar antes que grude na panela

Em uma frigideira, adicione azeite de oliva e as amendoas e deixe dourar! Isso leva poucos minutos. Mexer sempre para que nao queime! Adicione por cima do Makluba.

Dica: Quando for desenformar, tome cuidado! O processo e parecido com pudim!

Sahtein!

|Suecia – Appelsmulpaj (torta de migalhas)

Luiz Rodrigo Caldas mora em Estocolmo, na Suecia, ha 12 anos. “Vim fazer um intercambio profissional no ultimo ano da faculdade. Era para ser um intercambio de 1 ano e meio, mas no final quiseram me contratar”, explicou. Ele trabalha como gerente de projetos de TI e Agile Coach no setor de energia nuclear e confessou que cozinha nao e seu forte. Mas mesmo assim, preparou uma sobremesa deliciosa.

A Appelsmulpaj, ou carinhosamente chamada de torta de migalhas por Luiz, nao e diretamente uma invencao sueca, mas e muito popular no pais e pode ser encontrada em qualquer cafe. “Acho que e muito famosa por conta da canela. Sueco adora canela e uma das coisas mais idolatradas aqui e o kanelbulle (bolinho de canela)”, disse. Essa versao que Luiz nos ensinou e muito facil de reproduzir em casa.

Ingredientes Recheio
4 macas
Acucar e canela

Crumbles (migalhas)
100 gr manteiga
100 ml acucar
200 ml farinha de trigo
100 ml aveia

Modo de preparo
Descasque as macas e corte em tiras semi-circulares. Misture as tiras de macaa em um saco plastico para marinar com canela e acucar a gosto e um pouquinho de agua. Deixe na geladeira por 1 hora. Misture as 100 gr de manteiga, 100 ml de acucar, 200 ml de farinha de trigo e 100 ml de aveia em uma tigela. Amasse com as maos ate que pegue a consistencia semelhante a de migalhas. Unte uma assadeira com manteiga e coloque as macas marinadas no fundo. Adicione mais acucar e canela se quiser. Jogue as migalhas por cima das macas. 7. Leve a assadeira ao forno por aproximadamente 20 minutos a 200 graus C.

Dependendo de como deseja a consistencia das macas e a crocancia das migalhas, experimente variar o tempo e a temperatura. Sirva acompanhada de sorvete de baunilha, creme de baunilha ou chantilly.

Smaklig Spis

|Tailandia – Papaya Salad

Renata Bortolotti foi para a Tailandia no final de 2019. “Eu vinha para turistar, mas desde que comprei minha passagem em junho de 2019, sentia que eu deveria ficar. Tive um burnout, surtei geral e comecei meu despertar espiritual. Muita coisa aconteceu”, contou. Desde entao ela sentiu vontade de estender a viagem e percorrer o mundo fazendo voluntariado. “Aqui estou feliz da vida, em um lugar tranquilo, aprendendo muito e estudando muito”, finalizou.

Renata disse que a comida Thai nao lhe agrada muito. “Tudo e muito picante, na maioria das vezes frito e com muito acucar”, disse. Por isso, ela nos ensinou a fazer a papaya salad (salada de papaia), que e tradicional do pais, mas Renata adaptou para o paladar brasileiro. “O que me chama atencao nessa salada, alem do consumo da papaya verde, e o frescor e a crocancia. Originalmente a receita leva muito alho e e muito picante”, explicou.

Ingredientes 1 papaya verde pequeno ralado e sem casca
1 cebola roxa pequena cortada
1 tomate cortado em 4 partes
1 xicara de vagem cortada em tirinhas
1 dente de alho pequeno
1/3 de uma pimenta dedo de moca
2 folhas de salsao picado
1 punhado de amendoim ou castanha
Suco de 3 limoes
2 colheres de sopa de shoyu
2 colheres de sopa de acucar mascavo

Modo de preparo
Misture todos os ingredientes em uma vasilha.

เพลิดเพลินกับอาหารของคุณ

|Turquia – Menemen

Cristhiane Mutlu e brasileira e mora em Istambul. Ela e casada com Gursel Mutlu, que e turco, e juntos eles compartilham dicas sobre o pais no Instagram @turkeyandmore. Alem disso, eles tambem organizam roteiros personalizados, transfers e tour pelo pais. As informacoes podem ser encontradas Instagram @turquiaparavoce.

Cristhiane nos enviou a tradicionalissima receita de menemen, um prato turco que leva como principais ingredientes ovos, tomate, pimentao e especiarias. O uso da cebola nesse prato e muito debatido porque muitas vezes ele e servido no cafe da manha. Nesse caso, o ingrediente fica de fora.

Ingredientes
2 tomates sem sementes, cortados em cubos pequenos
1/2 pimentao verde  cortado em cubos pequenos
1/2 cebola picada
1 colher de cha de paprica em po (opcional)
3 ovos
1 colher de sopa de azeite
1 colher de sopa de manteiga
Sal e pimenta do reino a gosto
1/2 lata de molho de tomate (pode ser pronto ou caseiro – opcional)

Metodo de preparo
Aqueca uma frigideira media, adicione o azeite e a manteiga. Acrescente a cebola e o pimentao verde, refogue em fogo medio por cerca de 5 minutos. Os turcos nao colocam a cebola quando o prato e servido no cafe-da-manha. Adicione o tomate (pode tirar a pele se desejar), a paprica, o sal e a pimenta do reino. Cozinhe por 8 minutos ou ate o tomate desmanchar. Acrescente o molho extra, pronto ou caseiro, opcional (as turcas costumam fazer esse molho como se fosse um suco de tomate).

Enquanto isso, quebre os ovos em uma tigela e bata-os levemente com um garfo.
Coloque os ovos batidos por cima do refogado e cozinhe por alguns segundos. (Ha cidades que servem os ovos inteiros, apenas quebram dentro da frigideira e deixam cozinhar no molho). Em seguida, mexa a combinacao levemente para que os ovos se misturem bem com o refogado. Cozinhe por mais 3 minutos ou ate que os ovos estejam quase cozidos (eles terminam de cozinhar com o calor). Sirva ainda quente e na frigideira.

Afiyet olsun!

|Turquia – Humus

Ana Morais e de Sao Paulo, tem 28 anos e sempre trabalhou no meio corporativo. “De repente quis algo diferente para minha vida. Decidi me aventurar mudando pra Turquia onde vi varias oportunidades de negocios”, disse. Atualmente Ana tem uma agencia aqui, a Tulipa Boutique Travel, especializada em atender brasileiros na no pais. Ela tambem faz parte de Concierge, cuidando de todos os detalhes do planejamento e execucao da viagem dos clientes. No Instagram @omelhordaturquia, Ana compartilha fotos lindas do pais e mostra todos os servicos da agencia. Recentemente Ana lancou o Guia da Capadocia (R$ 29,90).

Ana nos ensinou a preparar humus, que nao e originalmente turco, porem a culinaria turca tem heranca arabe muito forte e o humus e muito consumido por la. “O humus e servido como entrada/acompanhamento. Aqui na Turquia chama-se Mezze (tipicas pequenas porcoes turcas). Faz parte do nosso dia a dia e e possivel encontrar em varios restaurantes”, explicou.

Ingredientes 2 xicaras de grao de bico cozido
1/4 de xicara da agua do grao de bico
4 colheres de sopa de tahine
3 colheres de sopa de suco de limao
1 colher de cha de sal
Cominho (opcional)

Modo de preparo O grao de bico pode ser enlatado ou cru. O cru demora mais para cozinhar e o enlatado voce so precisara ferver por 10 minutos.

Coloque no liquidificar as duas xicaras bem cheias do grao cozido com a agua em que foi cozido. Bata por aproximadamente 3 minutos ate formar uma pasta. Acrescente mais agua caso esteja muito solido. Adicione os outros ingredientes e bata por aproximadamente mais 5 minutos. Seu humus esta pronto! Agora e so servir com azeite de oliva por cima e um pouco de pimenta vermelha (opcional).

Alguns restaurantes na Turquia colocam o humus em um refratario e assam com pastrami por cima. Eu prefiro consumir ele frio, ou ate mesmo gelado.

Afiyet olsun!


image of Água de batata-doce emagrece? Saiba mais - Vitat

Água de batata-doce emagrece? Saiba mais - Vitat

Que a batata-doce é queridinha de quem busca emagrecer e tonificar o corpo não é novidade. Mas, agora a água de batata-doce surge como aliada de quem buscar perder peso. Pelo menos, podemos afirmar que essa é uma maneira de tirar melhor proveito das propriedades e nutrientes da batata-doce – que seriam perdidos ao jogar fora a água do seu cozimento.A água de batata-doce pode ajudar quem quer emagrecer. Além disso, é uma forma de não desperdiçar os nutrientes do tubérculo. Saiba mais.
From: vitat.com.br


image of Batata-doce: a água do cozimento pode ser aliada na perda ...

Batata-doce: a água do cozimento pode ser aliada na perda ...

Mar 06, 2017 · Batata-doce: a água do cozimento pode ser aliada na perda de peso Você já leu aqui que pode comer até as folhas do tubérculo. Agora, novos benefícios o fizeram se tornar um aliado do emagrecimento ainda mais forteVocê já leu aqui que pode comer até as folhas do tubérculo. Agora, novos benefícios o fizeram se tornar um aliado do emagrecimento ainda mais forte.
From: boaforma.abril.com.br


image of Água de cozimento da batata-doce pode ajudar no ...

Água de cozimento da batata-doce pode ajudar no ...

A batata-doce é grande aliada ...Você sabia que a água de cozimento da batata-doce pode ajudar a emagrecer? Que tal começar a reaproveita-lá em outras preparações? Confira!.
From: www.altoastral.com.br


Água de batata-doce laranja | Batata Doce

A batata-doce é grande aliada nas dietas para a perda de peso e amiga de quem pratica actividade física. mas uma descoberta feita por japoneses pode trazer mais utilidade para o tubérculo na luta pela boa forma: o amido que sobra na água após o seu cozimento pode ter efeitos de emagrecimento..
From: batatadoce.pt


image of Beber água usada para cozinhar batata-doce pode ajudar a ...

Beber água usada para cozinhar batata-doce pode ajudar a ...

Dec 19, 2016 · Especialistas da Organização Nacional de Pesquisa em Agricultura e Alimentação, na cidade de Tsukuba, também coletaram medições de adiponectina, que mede a síndrome metabólica.Eles descobriram que os ratos que receberam níveis mais elevados de peptídeos da batata-doce tinham peso corporal significativamente menor.Muitos de nós tentamos métodos da perda do peso que prometem resultados imediatos. Mas agora, pesquisadores japoneses apontam uma nova técnica de emagrecimento que poderia nos fazer esquecer essas dietas....
From: www.jornalciencia.com


image of Como cozinhar batata-doce da forma correta? | BOA FORMA

Como cozinhar batata-doce da forma correta? | BOA FORMA

May 09, 2020 · Como cozinhar batata-doce na água? É o método mais comum de preparar a batata-doce, mas também é o que mais causa perda de nutrientes. “Eles acabam se desprendendo do alimento e indo para a água”, alerta Carol. A dica é não usar água em excesso nem deixar a batata cozinhando por muito tempo (só até que o miolo fique macio).Saiba preparar o tubérculo na água, no forno, no vapor e na pressão - sem perder nutrientes.
From: boaforma.abril.com.br


Plantar Batata doce na água - YouTube

.
From: www.youtube.com


Mudas de Batata Doce - Terra Vs Água / Sweet Potato …

.
From: www.youtube.com


image of A Arte e a Ciência da Meditação segundo a Bhagavad Gītā ...

A Arte e a Ciência da Meditação segundo a Bhagavad Gītā ...

Lasanha de alcachofra, batata doce assada com alho e páprica, salada de grão de bico especial, bolo de frutas e suco de jabuticaba – estes são os itens das receitas da semana da coluna Cozinhando com o Coração.Lasanha de alcachofra, batata doce assada com alho e páprica, salada de grão de bico especial, bolo de frutas e suco de jabuticaba – estes são os itens das receitas da semana da coluna Cozinhando com o Coração..
From: brahmanirvana.blogspot.com


GOSSIP PROJECT §§ ...: 4 Deliciosas Receitas de Batata ...

Jan 04, 2016 · 1 batata-doce, bem limpa. 1 colher de sopa de azeite. 1/2 c. de chá de alho em pó. 1/2 c. de chá de colorau ou paprika. 1/2 c. de chá de orégãos secos. Uma pitada de sal e pimenta preta q.b. Para a maionese de alho vegan. 1/2 chávena (60g) de cajus neutros (demolhados pelo menos durante 4 horas) 1/2 c. de sopa de mostarda dijon.1. BATATA-DOCE ASSADA COM GRÃO, COENTROS E FETA Quem disse que a batata-doce assada no forno tem que ser simples, certamente não conh....
From: superfunkastic.blogspot.com


image of Benefícios da batata doce - Para que serve e como usar ...

Benefícios da batata doce - Para que serve e como usar ...

Jun 23, 2021 · Veremos agora os principais benefícios da batata doce para a saúde e boa forma. 1. É rica em antioxidantes. A batata doce é rica em antocianinas, e um estudo publicado no Journal of Physics Conference Series, em 2018, demonstrou seu grande poder anti-inflamatório e antioxidante, especialmente graças à presença do betacaroteno, da vitamina C, das …Há um grande número de nutrientes responsáveis pelos benefícios da batata doce, como antioxidantes, anti-inflamatórios e reguladores do açúcar no sangue..
From: www.mundoboaforma.com.br


image of A Arte e a Ciência da Meditação segundo a Bhagavad Gītā ...

A Arte e a Ciência da Meditação segundo a Bhagavad Gītā ...

A batata doce é um carboidrato complexo de baixo índice glicêmico, ou seja a sua absorção pelo organismo é lenta, liberando gradualmente a glicose na corrente sanguínea, sem estimular muito a insulina – hormônio responsável pelo aumento da fome e pelo acúmulo de gordura –, e garantindo a sensação de saciedade.Estrogonofe de palmito e cogumelo, Batata doce assada, Arroz integral simples, Gersal, Suco de abacaxi com coentro e óleo de coco -- estes são os itens das receitas do mês da coluna Cozinhando com o Coração..
From: brahmanirvana.blogspot.com


image of Tarte de batata-doce: 6 receitas de fazer água na boca

Tarte de batata-doce: 6 receitas de fazer água na boca

Aug 28, 2017 · A batata-doce não pára de conquistar adeptos. Quem prova, dificilmente fica indiferente. E se os benefícios da batata-doce são muitos, a sua versatilidade é tanta que as opções de consumo não se esgotam.Sejam propostas doces ou salgadas, não faltam ideias e receitas.Mas há uma (das muitas) possibilidade(s) a que não pode nem vai querer resistir: a …Depois de provar estas receitas de tarte de batata-doce não vai querer outra coisa. Surpreenda amigos e familiares com estas ideias irresistíveis..
From: www.vidaativa.pt


image of Como cozinhar batata-doce: confira as dicas do TudoGostoso

Como cozinhar batata-doce: confira as dicas do TudoGostoso

Oct 15, 2018 · A batata-doce se tornou a queridinha da galera que faz exercícios físicos por fazer muito bem à saúde: é fonte de carboidratos complexos, de vitaminas A, C e E e tem ação antioxidante, além de outros benefícios. Esse vegetal pode ser incluído em muitas receitas e pode ser feito de diversas formas. Se você quer saber como cozinhar como cozinhar os mais …Veja como cozinhar batata-doce na pressão, no vapor, na água e no forno..
From: blog.tudogostoso.com.br


image of Tudo o que deve saber para aprender a plantar batata-doce ...

Tudo o que deve saber para aprender a plantar batata-doce ...

Para usar esta técnica precisa de uma batata-doce e de um copo com água. Coloque a batata-doce num copo de água e cubra apenas o tubérculo de forma parcial. Depois de alguns dias irá observar que a batata-doce criou raízes e rama, tal como mostra as imagens abaixo. Sabia que uma batata-doce pode originar até 12 rebentos?Artigo de opinião de Rosa Moreira, Eng.ª Agrónoma, promotora do site A Cientista Agrícola Plantar ba.
From: agriculturaemar.com


image of 9 benefícios do suco de batata - Como fazer e dicas ...

9 benefícios do suco de batata - Como fazer e dicas ...

Jun 23, 2021 · Tanto a batata inglesa como a batata doce, seja na forma in natura ou como o seu suco, são ricas em vários nutrientes, como carboidratos, fibras, cálcio, zinco, cobre, potássio, ferro, magnésio, vitaminas A e C, e vitaminas do complexo B, essenciais para o bom funcionamento do organismo.. Veja também: Benefícios da batata inglesa – Para que serve e …A batata é um ingrediente versátil e muito apreciado pela maioria das pessoas. É comum comer esse alimento frito, assado ou na forma de purê, mas você sabi.
From: www.mundoboaforma.com.br